Abrir menu principal
Hong Xiuquan
Nascimento 1 de janeiro de 1814
Huadu
Morte 1 de junho de 1864 (50 anos)
Nanquim
Cidadania Dinastia Qing, Reino Celestial Taiping
Cônjuge Lai Lianying
Filho(s) Hong Tianguifu
Ocupação rei, professor
TaiPingRevolutionSeal.png
Causa da morte suicídio por envenenamento com drogas

Hong Xiuquan (Guangdong, 1 de janeiro de 1814Nanquim, 1 de junho de 1864) foi um revolucionário religioso chinês que liderou a rebelião Taiping.

BiografiaEditar

Nasceu no seio de uma família hakka pobre, em Guangdong, mas conseguiu educar-se. Por volta dos 20 anos, contraiu uma doença grave, durante a qual tinha visões místicas. Mais tarde, aprovado nos exames de manchu, converteu-se ao Cristianismo e logo auto-denominou-se "o mais jovem irmão de Jesus", o "filho de Deus, mandado por Ele para salvar a China".

Conseguiu um grande número de adeptos pobres, iniciando sua rebelião em 1850, na província de Guangxi, e estendendo-se rapidamente pela região do Yangtzé. Os rebeldes tomaram Nanquim (Nanjing) e chegaram a desfechar um ataque malsucedido a Pequim (Beijing).

Em Nanquim, Xiuquan estabeleceu uma teocracia autoritária, impondo uma disciplina extrema às suas tropas. Nesse tempo, levou a cabo uma tradução chinesa da Bíblia.

Mas o governo central da China reagiu e tropas imperiais - auxiliadas por militares ingleses e mercenários norte-americanos - esmagaram a revolta. Cercado em Nanquim, Hong Xiuquan suicidou-se, trespassando-se com uma espada.

BibliografiaEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Hong Xiuquan
  • Toledo, J. Dicionário de Suicidas Ilustres. Rio de Janeiro: Ed. Record, 1999. ISBN 85-01-05335-X
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.