Abrir menu principal

Ilhas Salomão do Norte foram o grupo de ilhas mais setentrionais do arquipélago das Ilhas Salomão sobre o qual o Império Alemão declarou um protetorado em 1885.[1] Inicialmente, o Protetorado Alemão das Ilhas Salomão incluía as ilhas de Choiseul, Santa Isabel, Shortlands e Ontong Java, mas em 1900 estas ilhas foram transferidas para o Protetorado Britânico das Ilhas Salomão.[2] A maior das Ilhas Salomão, Bougainville, continuaria sob a administração alemã até a Primeira Guerra Mundial, quando cairia sob o controle da Austrália, e depois da guerra, passando formalmente a jurisdição australiana ao abrigo de um Mandato da Liga das Nações.

Atualmente, as Ilhas Salomão do Norte originais estão divididas entre a Região Autônoma de Bougainville na Papua Nova Guiné e o Estado sucessor das Ilhas Salomão britânicas que foi renomeada oficialmente de Protetorado Britânico das Ilhas Salomão para Ilhas Salomão em 1975, antes de se tornar um Estado independente em 1976.

Ver tambémEditar

Referências

  1. «GERMAN COLONIES IN THE PACIFIC». National Library of Australia. [...] The Marshall Islands and the northern Solomon Islands (Buka, Bougainville and other islands) were annexed in 1885. 
  2. «Solomon Islands : history - geography». Encyclopædia Britannica. [...] To protect their own interests, Germany and Britain divided the Solomons between them in 1886; but in 1899 Germany transferred the northern islands, except for Buka and Bougainville, to Britain (which had already claimed the southern islands) in return for recognition of German claims in Western Samoa (now Samoa) and parts of Africa. The British Solomon Islands Protectorate was declared in 1893 [...]