Abrir menu principal
Império de Bornu
Kanem flag from dulcerta 1339-pt.svg
1387 — 1893 
Blank.png
Bandeira de Bornu (Organa) do atlas de Gabriel de Vallseca de 1439
Bandeira de Bornu (Organa) do atlas de Gabriel de Vallseca de 1439
Bornu map 1750.svg
Bornu em seu zênite ca. 1750
Continente África
Capitais Jaja (desde anos 1380)
Gazargamo (desde 1472)
Países atuais Chade Chade
Níger Níger
Nigéria Nigéria
Camarões Camarões

Língua oficial canúri
Religiões Islamismo

Forma de governo Monarquia
Maí (rei)
• 1387–1388  Saíde I
• 1846  Ali IV

Período histórico Idade Média
Idade Moderna
Idade Contemporânea
• 1387  Fundação
• 1893  Dissolução

O Império de Bornu foi um Estado da África que existiu em porções da Nigéria, Níger, Camarões e Chade de 1387, quando a corte sefaua de Canem se exila em Bornu,[1] até 1893, quando o território foi conquistado por Rabi Zubair.[2] Sua primeira capital foi Jaja, porém por estarem em constante conflito com a população local, os maís (reis) abandonaram-a e mudaram muito de capital até que, em 1472, estabeleceram-se permanentemente em Birni Gazargamo.[3]

Referências

  1. Loimeier 2013, p. 85.
  2. Lipschutz 1986, p. 196.
  3. DeCorse 2016, p. 103.

BibliografiaEditar

  • DeCorse, Christopher (2016). West Africa During the Atlantic Slave Trade: Archaeological Perspectives. Londres: Bloomsbury Publishing 
  • Lipschutz, Mark R.; Rasmussen, R. Kent (1986). Dictionary of African Historical Biography. Berkeley, Califórnia; Londres; Los Angeles: University of California Press 
  • Loimeier, Roman (2013). Muslim Societies in Africa: A Historical Anthropology. Bloomington e Indianópolis: Indiana University Press