Abrir menu principal

Inácio IV de Antioquia

Inácio IV de Antioquia
Patriarca
Patriarca grego ortodoxo de Antioquia

Igreja

Igreja Ortodoxa Grega de Antioquia
Atividade Eclesiástica
Diocese Patriarca grego ortodoxo de Antioquia
Predecessor Elias IV
Sucessor João X
Ordenação e nomeação
Ordenação episcopal 1961
Nomeado metropolita 1966
Patriarcado
Nomeado Patriarca 2 de julho de 1979
Entronizado 2 de julho de 1979
Dados pessoais
Nascimento Síria Mhardeh
17 de abril de 1920
Morte Líbano Beirute
5 de dezembro de 2012 (92 anos)
Funções exercidas Metropolita de Latakia
Portal:Igreja Ortodoxa
Projeto Cristianismo

Inácio IV de Antioquia, dito Hazim (17 de abril de 1920 - 5 de dezembro de 2012), foi um religioso sírio, e o patriarca grego ortodoxo de Antioquia até sua morte, em 5 de dezembro de 2012. Ele nasceu em Muhardeh, região de Hama, na Síria.

BiografiaEditar

Seus pais, Assad e Mariam, eram ortodoxos piedosos e praticantes. Seu pai era professor e cantor na paróquia local. O pequeno Habib (seu nome de batismo) cresceu em um lar realmente cristão, o que muito o ajudou a responder ao chamado de Deus (vocação) para o Sacerdócio. Já jovem, cursou a Escola Americana em Beirute, no Líbano, lutando contra dificuldades financeiras. Ativo na Igreja, ajudou a fundar o "Movimento da Juventude Antioquina" em nosso Patriarcado. Tendo feito os estudos clericais, foi ordenado Diácono em 1941, quando adotou o nome "Inácio", em honra a Santo Inácio de Antioquia.

Em 1945, bacharelou-se em Filosofia e Literatura, indo em 1949 para a França, onde aperfeiçoou seus estudos teológicos no famoso Instituto Teológico Ortodoxo São Sérgio, de Paris. Retornando ao Oriente foi ordenando Padre e, posteriormente, eleito e sagrado Bispo. Foi ele que estruturou a Faculdade Teológica de Balamand e, por seus esforços, conseguiu aumentá-la e enriquecê-la, até se tornar a Universidade de Balamand, com os mais diversos cursos.

Em 1966, foi eleito Metropolita de Latakia (Síria) pelo Santo Sínodo de nossa Igreja. Ao falecer o Patriarca Elias IV, em 1979, o mesmo Santo Sínodo, reconhecendo sua alta capacitação espiritual e intelectual, o elegeu Patriarca, entronizando-o na Catedral da Dormição de Nossa Senhora, em Damasco. Desde então muito tem feito pelo crescimento e engrandecimento de nossa Igreja.

Ver tambémEditar

Precedido por
Elias IV
Patriarca Grego-Ortodoxo de Antioquia
19792012
Sucedido por
João X
  Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.