Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Inajá (desambiguação).
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde novembro de 2017). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Como ler uma infocaixa de taxonomiaInajá
Attalea maripa
Attalea maripa
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Arecales
Família: Arecaceae
Subfamília: Arecoideae
Tribo: Cocoeae
Subtribo: Attaleinae
Género: Attalea
Espécie: A. maripa
Nome binomial
Attalea maripa
(Aubl.) Mart.
Attalea maripa - MHNT

Inajá (Attalea maripa), também conhecida como anaiá, anajá, aritá, inajazeiro, maripá e najá, é uma palmeira nativa da região norte do Brasil, sendo Roraima e Amapá os estados de maior concentração.[1]

Alcança até 20 metros de altura[1] e possui estipe anelado, com palmito nobre,[1] folhas dispostas em cinco direções e inflorescências interfoliares.

Os frutos do inajá tem uma polpa suculenta e comestível e possuem uma amêndoa, de onde se pode extrair um óleo amarelo, que pode chegar até 4.000 litros por hectare.[1]

Em alguns lugares do nordeste, a palmeira Copernicia prunifera, mais conhecida como Carnaúba ou carnaubeira, também é chamada de Inajá.[carece de fontes?]

Referências

  1. a b c d «Inajá - de praga para uma alternativa energética». Embrapa. 16 de maio de 2014. Consultado em 17 de novembro de 2017 
  Este artigo sobre palmeiras (família Arecaceae), integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.