Abrir menu principal

Instituto Histórico e Geográfico do Piauí

Instituto Histórico e Geográfico do Piauí
(IHGP)
Exposição da edição de junho de 1975 da Revista do Instituto Histórico e Geográfico do Piauí na biblioteca pública de Campo Maior.
Tipo Instituto Privado, reconhecido de utilidade pública.
Fundação 23 de junho de 1918 (101 anos)
Estado legal Ativa
Propósito Compromisso com o desenvolvimento da cultura historiográfica e geográfica, precipuamente voltadas ao Piauí, e sua preservação e disponibilização à sociedade.
Sede Teresina
 Piauí
 Brasil
Línguas oficiais Português
Presidente Historiador Fonseca Neto

O Instituto Histórico e Geográfico do Piauí é uma entidade de fins da cultura histórica e geográfica com sede e foro em Teresina, capital do Piauí.[1][2]

Índice

HistóriaEditar

Fundado em 23 de junho de 1918 com a denominação de Instituto Histórico e Geográfico Piauhyense,[3] posteriormente rebatizado para Instituto Histórico e Geográfico do Piauí, reconhecido de utilidade pública pelo poder público por meio legal da Lei estadual nº 1.001, de 4 de junho de 1921.[4] Um dos membros mais recentes é o bispo Dom Juarez Sousa da Silva, bispo da Diocese de Parnaíba.[5]

Ordem Conselheiro SaraivaEditar

A ordem honorífica do IHGP é a Ordem Conselheiro Saraiva, com estatutos próprios baixados pela diretoria, ad referendum da assembleia geral do instituto.[6]

PublicaçãoEditar

Desde a fundação edita, com grandes espaços de tempo, a Revista do Instituto Histórico e Geográfico do Piauí de linha editorial de caráter histórico e geográfico.[7] De acordo como o Jornal Meio Norte em 2018 a instituição lançou a edição nº 7, ano XCIX, referente ao ano de 2017, e o presidente do conselho editorial foi o historiador Reginaldo Miranda da Silva[8].

Ver tambémEditar

Referências

  1. BASTOS, Cláudio de Albuquerque. Dicionário histórico e geográfico do estado do Piauí. Teresina, FCMC/PMT, 1994
  2. Revista do IHGP, Teresina, numero 6, ano 57, julho de 1975
  3. Nota: em grafia da época.
  4. * SOARES, Sidney. Enciclopédia dos Municípios Piauienses. Fortaleza; Escola gráfica Santo Antonio. 1972
  5. Membro do Instituto Histórico e Geográfico do Piauí. Meio Norte. Acesso em 12 de dezembro de 2016.
  6. Conforme dispões o artigo 23 do estatuto do IHGP.
  7. Idem ref 1
  8. Jornal Meio Norte. Edição nº 9393. Ano XXIII. Teresina (Pi), Sexta-feira, 13 de julho de 2018.Caderno Arte&fest, página 3