Abrir menu principal

Interiors

filme de 1978 dirigido por Woody Allen
Interiors
Intimidade (PRT)
Interiores (BRA)
 Estados Unidos
1978 •  deluxe color •  93 min 
Direção Woody Allen
Produção Charles H. Joffe
Produção executiva Robert Greenhut
Roteiro Woody Allen
Elenco Diane Keaton
Geraldine Page
Kristin Griffith
Gênero drama
Direção de fotografia Gordon Willis
Figurino Joel Schumacher
Edição Ralph Rosenblum
Companhia(s) produtora(s) Rollins-Joffe Productions
Distribuição United Artists
Lançamento Estados Unidos 2 de agosto de 1978
Idioma inglês
Orçamento US$10,000,000 (estimativa)[1]
Receita US$10,432,466 (EUA)[1]
Página no IMDb (em inglês)

Interiors (bra: Interiores /prt: Intimidade) é um filme norte-americano de 1978, do gênero drama, dirigido por Woody Allen e estrelado por Diane Keaton e Geraldine Page.

ProduçãoEditar

Interiors é o primeiro filme "sério" de Woody Allen,[2][3] o primeiro que ele chamou de "importante"[2] e o primeiro em que não atuou. O projeto recebeu luz verde da United Artists após o grande sucesso de público e crítica obtido pelo premiado Annie Hall, sua película anterior.[4]

O filme trai a influência de Ingmar Bergman, um dos heróis de Allen,[2] (principalmente o Bergman do drama familiar Gritos e Sussurros[3]), o que acabou por se voltar contra o diretor, pois parte da crítica viu o resultado como pretensioso,[2][3] como se tivesse o propósito deliberado de chocar e embaraçar -- e, afinal, até fazer rir.[2]

Houve também quem o visse como mera imitação do cineasta sueco,[5] mas, por outro lado, outros o defenderam como uma respeitável homenagem (não cópia) de Allen a seu ídolo.[4] Para Leonard Maltin, Interiors não é para todo mundo, porém é extremamente bem feito.[6] O público da época considerou-o excessivamente lento,[3] e Interiors fracassou nas bilheterias.

Apesar de toda a polêmica, ou por isso mesmo, o filme acumulou diversos prêmios e recebeu cinco indicações ao Oscar, inclusive para o próprio Allen e as atrizes Geraldine Page e Maureen Stapleton .

Para Ken Wlaschin, Interiors mostra uma das dez melhores atuações de Diane Keaton.[7]

SinopseEditar

Rico e insensível, Arthur anuncia que vai deixar a esposa Eve, que tem problemas emocionais. Com isso, as filhas Flyn, Joey e Renata se unem para tentar ajudá-la. Um dia, Arthur retorna da Grécia com a espirituosa Pearl a tiracolo e diz que pretendem casar-se. A esta altura, Eve já tentara o suicídio.

Entre uma tentativa de estupro e estranhamentos entre as irmãs, tudo indica que uma tragédia se desenha no horizonte.

Principais premiaçõesEditar

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Diretor
Melhor Atriz (Geraldine Page)
Melhor Atriz Coadjuvante (Maureen Stapleton)
Melhor Roteiro Original
Melhor Direção de Arte
Indicado
Indicado
Indicado
Indicado,Br.Indicado
British Academy of Film and Television Arts BAFTA Award Melhor Atriz Coadjuvante (Geraldine Page)
Estreante Mais Promissor(a) (Mary Beth Hurt)
Vencedor
Indicado
Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood Golden Globe Melhor Diretor
Melhor Atriz - Drama (Geraldine Page)
Melhor Atriz Coadjuvante - Cinema (Maureen Stapleton)
Melhor Roteiro
Indicado
Indicado
Indicado
Indicado
New York Film Critics Circle NYFCC Award Melhor Atriz Coadjuvante (Maureen Stapleton) Vencedor
Writers Guild of America WGA Award Melhor Roteiro - Drama Indicado
National Board of Review NBR Award Dez Melhores Filmes de 1978 Vencedor

ElencoEditar

Ator/Atriz Personagem
Diane Keaton Renata
Geraldine Page Eve
Mary Beth Hurt Joey
Kristin Griffith Flyn
E. G. Marshall Arthur
Richard Jordan Frederick
Maureen Stapleton Pearl
Sam Waterston Mike
Henderson Forsythe Juiz Bartel

BibliografiaEditar

Referências

  1. a b «Interiors». IMDB. Consultado em 21 de março de 2014 
  2. a b c d e KIMBALL,George Robert, Woody Allen, in Movies of the Seventies, editado por Ann Lloyd, Londres: Orbis, 1985 (em inglês)
  3. a b c d CHARNEY, Leo. «Interiors». AllMovie. Consultado em 24 de março de 2014 
  4. a b BERGAN, Ronald, The United Artists Story, Londres: Octopus Books, 1986 (em inglês)
  5. FINLER, Joel W., The Movie Directors Story , Nova Iorque: Crescent Books, 1985 (em inglês)
  6. MALTIN, Leonard, Leonard Maltin's Movie Guide - 2011 Edition, Nova Iorque: New American Library, 2010 (em inglês)
  7. WLASCHIN, Ken, The World's Great Movie Stars and Their Films, Londres: Peerage Books, 1985 (em inglês)

Ligações externasEditar