Irene Comnena de Epiro

Irene Comnena Ducena (em grego: Ειρήνη Κομνηνή Δούκαινα; em búlgaro: Ирина Комнина) foi uma princesa grega e a terceira esposa do czar João Asen II. Ela foi também a mãe do tsar Miguel Asen I da Bulgária.

Irene Comnena
Imperatriz-consorte da Bulgária
Irene-Komnene-Kastoria.jpg
Afresco na Igreja Agii Taxiarhes Mitropiliteos' em Castória, na Grécia
Reinado 12381241
Consorte João Asen II
Antecessor(a) Ana Maria da Hungria
Sucessor(a) Isabel Rostislavna
Dinastia Comneno (nasc.)
Asen (matr.)
Floruit 1237-1256
Filho(s) Ana (ou Teodora)
Maria
Miguel Asen I
Pai Teodoro Comneno Ducas
Mãe Maria Petralifena

HistóriaEditar

Irene era filha do déspota Teodoro Comneno Ducas, do Epiro, com Maria Petralifena (irmã do sebastocrator João Petralifa). Em 1230, Irene e sua família foram capturados pelas tropas do czar João Asen II da Bulgária na Batalha de Klokotnitsa e levados para Tarnovo, onde Irene foi criada. Ela ficou conhecida por sua beleza e o já viúvo João Asen se apaixonou por ela. Eles se casaram em 1237. De acordo com um autor bizantino, o czar amava Irene "não menos que Antônio amava Cleópatra" e é possível que ela já fosse amante dele por alguns anos antes do casamento. Ao se casar com Irene, João Asen II violou as leis da Igreja, pois sua filha, Maria Asanina Comnena, de sua primeira esposa Ana (Anísia) era casada com o tio de Irene, Manuel de Tessalônica. Há algumas evidências que a Igreja Búlgara protestou contra o casamento e que um patriarca (chamado Spirion ou Visarion) foi deposto (ou executado) pelo furioso czar.

Em 1241, João Asen II morreu e foi sucedido por Colomano I da Bulgária, seu filho com sua segunda esposa, Ana Maria da Hungria. Ele foi envenenado em 1246 e o trono passou para Miguel Asen I, o filho de Irene. De acordo com uma teoria, ela teria envenenado o enteado para assegurar o trono para o filho. Assume-se que Irene tomou o controle do governo como czarina-regente por que seu filho era ainda uma criança quando ascendeu ao trono, mas há poucas evidências em favor disso.

Irene retirou-se para um mosteiro e assumiu o nome de Xênia (Xene). Ela foi expulsa da Bulgária depois da morte do filho em 1256 e passou o resto da vida nas terras da família perto de Tessalônica[1]

FamíliaEditar

Irene e João Asen II tiveram três filhos:

Ver tambémEditar

Irene Comnena de Epiro
Nascimento: ? Morte: ?
Títulos reais
Precedido por:
Ana Maria da Hungria
Imperatriz-consorte da Bulgária
1238–1241
Sucedido por:
Isabel Rostislavna

Referências

  1. «Plamen Pavlov, "Първите дами" на Средновековна България. Consultado em 30 de novembro de 2013. Arquivado do original em 15 de julho de 2011 
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Irene Comnena de Epiro