Ise (couraçado)

O Ise (伊勢?) foi um navio couraçado operado pela Marinha Imperial Japonesa e a primeira embarcação da Classe Ise, seguido pelo Hyūga. Nomeado em homenagem a histórica Província de Ise, sua construção começou em maio de 1915 nos estaleiros da Kawasaki Heavy Industries em Kobe e foi lançado ao mar em novembro de 1916, sendo comissionado na frota japonesa em meados de dezembro do ano seguinte. A embarcação entrou em serviço nos últimos anos da Primeira Guerra Mundial, porém ele e seu irmão não desempenharam nenhum papel no conflito.[1]

Ise
Battleship-carrier Ise.jpg
 Japão
Operador Marinha Imperial Japonesa
Fabricante Kawasaki, Kobe
Homônimo Província de Ise
Batimento de quilha 10 de maio de 1915
Lançamento 12 de novembro de 1916
Comissionamento 15 de dezembro de 1917
Estado Desmontado
Destino Afundou por ataques aéreos
em 28 de julho de 1945
Características gerais (como construído)
Tipo de navio Couraçado
Classe Ise
Deslocamento 37 100 t (carregado)
Maquinário 2 turbinas a vapor
24 caldeiras
Comprimento 208,18 m
Boca 28,65 m
Calado 8,93 m
Propulsão 4 hélices
- 45 000 cv (33 100 kW)
Velocidade 23 nós (43 km/h)
Autonomia 9 680 milhas náuticas a 14 nós
(17 930 km a 26 km/h)
Armamento 12 canhões de 356 mm
20 canhões de 140 mm
4 canhões de 76 mm
6 tubos de torpedo de 533 mm
Blindagem Cinturão: 299 mm
Convés: 85 mm
Torres de artilharia: 254 mm
Barbetas: 305 mm
Torre de comando: 305 mm
Anteparas: 199 a 224 mm
Tripulação 1 360
Características gerais (após reconstrução)
Deslocamento 42 675 t (carregado)
Maquinário 4 turbinas a vapor
8 caldeiras
Comprimento 215,8 m
Boca 31,75 m
Calado 9,45 m
Propulsão 4 hélices
- 80 000 cv (58 800 kW)
Velocidade 24,5 nós (45,4 km/h)
Autonomia 7 870 milhas náuticas a 16 nós
(14 580 km a 30 km/h)
Armamento 12 canhões de 356 mm
16 canhões de 140 mm
8 canhões de 127 mm
20 canhões de 25 mm
Blindagem Convés: 152 mm
Aeronaves 3 hidroaviões
Tripulação 1 376
Características gerais (como navio híbrido)
Deslocamento 40 445 t (carregado)
Comprimento 219,62 m
Boca 31,71 m
Calado 9,03 m
Autonomia 9 500 milhas náuticas a 16 nós
(17 600 km a 30 km/h)
Armamento 8 canhões de 356 mm
16 canhões de 140 mm
104 canhões de 25 mm
6 lança-foguetes de 127 mm
Aeronaves 22 a 24
Tripulação 1 463

No pós-guerra, o navio apoiou forças japonesas na Intervenção na Sibéria em 1920 e depois ajudou a socorrer os sobreviventes do Grande Sismo de Kantō em 1923. O Ise passou o restante da década realizando patrulhas perto da costa da China. Depois disso o couraçado passou por uma série de reformas e modernizações, de 1928–1929, 1931–1932 e 1934–1937, em que seus maquinários internos foram substituídos, seus armamentos aprimorados e incrementados, sua superestrutura reconstruída, sua blindagem reforçada, entre outras modificações.[2]

O Ise teve um papel pequeno na Segunda Guerra Sino-Japonesa e inicialmente pouco participou da Segunda Guerra Mundial por ser considerado obsoleto. Entretanto, depois da perda de quatro porta-aviões na Batalha de Midway em 1942, a embarcação foi reconstruída com um convés de voo no lugar de suas duas torres de artilharia traseiras. Mesmo assim, nunca operou aeronaves em combate pela escassez de aviões e pilotos. Participou da Batalha do Cabo Engaño em 1944 e da Operação Kita em 1945, sendo afundado em 28 de julho de 1945 por ataques aéreos.[2]

Referências

  1. Silverstone 1984, p. 331
  2. a b Hackett, Bob; Kingsepp, Sander; Ahlberg, Lars (2016). «IJN ISE: Tabular Record of Movement». Combined Fleet. Consultado em 3 de outubro de 2020 

BibliografiaEditar

  • Silverstone, Paul H. (1984). Directory of the World's Capital Ships. Nova Iorque: Hippocrene Books. ISBN 0-88254-979-0 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.