Abrir menu principal

Italkim (em hebraico italiano pl. de "italki") é um termo utilizado dentro do hebraico moderno para designar os judeus que historicamente viveram na Itália, também chamados de Bnei Roma. Uma grande parte migrou para Israel na segunda Aliá.Outra parte emigrou naquela época, e até décadas antes, para o norte da África[1] e principalmente para a Tunísia, devido à sua participação no movimento nacional que levou à unificação da Itália e às perseguições que sofreram devido a suas atividades.[2]

Seus costumes e ritos religiosos servem como um elo entre os costumes Ashkenazi e Sefaradi apesar de testes genéticos recentes confirmarem sua relação mais próxima com os judeus ashkenazitas. Também desenvolveu-se na comunidade um uso especial do italiano que é conhecido como Italkian.

Um dos mais conhecidos judeus italianos foi o rabino Moshe Chaim Luzzatto (1707-1746) que escreveu trabalhos sobre religião e ética.

Referências

  1. Etsion Koren, N. «Os judeus de Livorno na Tunísia». Revista Morashá (em portuguese) 
  2. Koren, Nimrod Etsion (12 de janeiro de 2018). «Os judeus de Livorno na Tunísia». Revista Morashá (em portuguese) 
  Este artigo sobre judaísmo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.