Itapororoca

Itapororoca é um município brasileiro do estado da Paraíba, localizado na Região Geográfica Imediata de Mamanguape-Rio Tinto. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, no ano de 2019 sua população estimada foi de 18.664 habitantes. Sua área é de 146,067 km². Seus biomas predominantes são: o cerrado e a mata atlântica.

Itapororoca
  Município do Brasil  
Símbolos
Brasão de armas de Itapororoca
Brasão de armas
Hino
Apelido(s) "Ita"
"Terra do Abacaxi"
Gentílico itapororoquense
Localização
Localização de Itapororoca na Paraíba
Localização de Itapororoca na Paraíba
Mapa de Itapororoca
Coordenadas 6° 49' 48" S 35° 14' 49" O
País Brasil
Unidade federativa Paraíba
Região intermediária[1] João Pessoa
Região imediata[1] Mamanguape-Rio Tinto
Região metropolitana Vale do Mamanguape
Municípios limítrofes Curral de Cima (norte); Mamanguape (leste); Capim e Cuité de Mamanguape (sul); Araçagi (oeste)[2]
Distância até a capital 69 km
História
Fundação 29 de dezembro de 1961 (58 anos)
Administração
Prefeito(a) Elissandra Maria Conceição de Brito (DEM, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [3] 146,067 km²
População total (est. IBGE/2019[4]) 18 664 hab.
Densidade 127,8 hab./km²
Clima Tropical chuvoso com verão seco (As')
Altitude 81 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000[5]) 0,573 baixo
PIB (IBGE/2008[6]) R$ 91 949,034 mil
PIB per capita (IBGE/2008[6]) R$ 5 604,94
Sítio itapororoca.pb.gov.br (Prefeitura)

TopônimoEditar

"Itapororoca" é um termo proveniente da língua tupi e significa "Ita= Pedra",Pororoca= Encontro das águas, através da junção dos termos itá ("pedra") e pororoca ("encontro das águas com as pedras").[7]

HistóriaEditar

No ano de 1911, Itapororoca figurou na história da Paraíba como distrito de Mamanguape. Sua emancipação ocorreu por meio da Lei n° 2.701 de 28 de dezembro de 1961, sendo instalado oficialmente o município em 15 de fevereiro de 1962[2]. Antes de se chamar Itapororoca, a mesma era conhecida como Vila de São João de Mamanguape. Existem muitas versões em relação a formação desta cidade, mas a que mais chama a atenção é uma lenda que conta o seguinte:

Em meados do século XVIII, um homem conhecido como João Batista fez uma viagem para o norte do país à procura de riquezas. Chegando ao seu destino, foi aprisionado por índios da região. Se vendo à beira da morte, fez uma promessa para seu santo de devoção (no caso, São João Batista): se fosse solto e conseguisse voltar para sua terra natal, construiria uma capela e colocaria, nela, o nome de São João Batista. Assim aconteceu: foi solto pelos nativos, conseguiu uma grande quantidade de bens, voltou para sua terra mãe e construiu uma capela em homenagem a São João Batista, daí o começo da história da cidade (Vila de São João, logo depois Itapororoca). Até hoje, as homenagens ao glorioso São João Batista são visíveis em Itapororoca. A partir da construção da Capela em meados do século XVIII, São João Batista tornou-se o padroeiro do lugar e depois de muitos anos com a fundação da paróquia por autorização da Igreja Paraibana, também recebeu o título de padroeiro paroquial. As homenagens ao santo padroeiro acontecem especificamente de 13 a 24 de Junho, com uma grandiosa festa em sua honra promovida pela Paróquia, contando com a participação dos cristãos católicos do município local e vizinhos.

GeografiaEditar

A cidade de Itapororoca está localizada na Mesorregião da Mata paraibana, com 146 km² e uma população de aproximadamente 18.527 habitantes. A cidade está localizada a cerca de 69  km da capital paraibana, João Pessoa.

Principal rio: Rio Mamanguape.

ClimaEditar

Itapororoca tem um clima tropical. Há muito mais pluviosidade no verão que no inverno. O clima é classificado como Aw segundo a Köppen e Geiger. A temperatura média anual em Itapororoca é 25.5 °C. A média anual de pluviosidade é de 1121 mm.

Vegetação: Mata Atlântica e cerrado paraibano, de acordo com a geografia da Paraíba e o atlas paraibano, tendo em vista que a cidade está em uma zona de transição entre a mata atlântica e o agreste paraibano.

Dados climatológicos para Itapororoca
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez
Temperatura máxima média (°C) 31,9 32 31,6 30,7 29,4 28 27,5 27,9 29,4 30,8 31,5 31,7
Temperatura média (°C) 26,8 26,9 26,7 26,2 25,2 24,1 23,4 23,5 24,6 25,5 26,2 26,5
Temperatura mínima média (°C) 21,7 21,8 21,9 21,7 21,1 20,2 19,4 19,1 19,8 20,3 21 21,4
Chuva (mm) 58 67 136 168 159 177 152 88 45 19 24 28
Fonte: Climate-Data.org[8]

EconomiaEditar

O município se destaca no contexto nacional como sendo a maior produtora de abacaxi da Paraíba e pela qualidade desta fruta, destaca-se ainda pela gratuidade da água: Itapororoca é uma das poucas cidades do Brasil onde não se paga pela água. Pontos turísticos: Itapororoca é marcada pelas suas belezas naturais onde se destacam os resquícios de mata atlântica pouco preservada, os rios temporários e seu relevo. Existem, ainda, as casas de farinha e os engenhos de aguardente (Camurim, Campo Verde, Sedução, Amoré, Curral Grande e Luana).

Em relação à visitação turística, Itapororoca oferece o Parque da Nascença, onde se destaca a utilização de piscinas públicas.

Fontes de renda: Itapororoca, não diferente da maioria das cidades do interior do Nordeste, se destaca na agricultura, produzindo abacaxi, cana-de-açúcar, milho, feijão, macaxeira, inhame, batata, pimentão etc.

A economia gira em torno da Prefeitura Municipal (tendo em vista que a cidade não possui fábricas nem indústrias), das aposentadorias e pensões, da monocultura da cana-de-açúcar, do vasto plantio de abacaxi e de outras culturas de menor expressão.

Trabalho e RendimentoEditar

Em 2017, o salário médio mensal era de 1.4 salários mínimos. A proporção de pessoas ocupadas em relação à população total era de 6.4%. Na comparação com os outros municípios do estado, ocupava as posições 188 de 223 e 183 de 223, respectivamente. Já na comparação com cidades do país todo, ficava na posição 5186 de 5570 e 4686 de 5570, respectivamente. Considerando domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, tinha 52.5% da população nessas condições, o que o colocava na posição 65 de 223 dentre as cidades do estado e na posição 895 de 5570 dentre as cidades do Brasil.[9]

SaúdeEditar

A taxa de mortalidade infantil média na cidade é de 7.63 para 1.000 nascidos vivos. As internações devido a diarreias são de 0.2 para cada 1.000 habitantes. Comparado com todos os municípios do estado, fica nas posições 139 de 223 e 192 de 223, respectivamente. Quando comparado a cidades do Brasil todo, essas posições são de 3619 de 5570 e 4284 de 5570, respectivamente.[9]

EducaçãoEditar

Segundo o Censo 2010, havia 3132 matriculas no ensino fundamental e 577 no ensino médio. E o total da população alfabetizada é de 10 590.[10]

PolíticaEditar

  • Atual prefeita: Elissandra Maria Conceição de Brito (2017/2020).
  • Vereadores: Jailson, Josilda Lopes, Rodrigo Carvalho, Chico da Saelpa, Josete, Socorro da Corrente, Val de Curralinho, Altamir Meireles, Ricardo Souto, Riseuda Nunes e Neuza Madruga.

ReligiãoEditar

Segundo o censo de 2010, 14.181 pessoas eram católicas, 1.638 evangélicas e 108 espíritas.[9]

Pontos turísticosEditar

  • Piscina da Nascença: localizada a pouco mais de dois quilômetros do Centro da cidade, atrai turistas de municípios de todo o Vale Mamanguape.
     
    Letreiro da praça do loteamento Morada Nobre em Itapororoca.
  • Praça de São João Batista: em frente ao Colégio Henrique de Almeida.
  • Praça da Morada Nobre: localizada no loteamento Morada Nobre. Lugar onde vários jovens se encontram diariamente, para conversar, tirar fotos, entre outras coisas.
  • Praça do Picolé: localizada próxima ao Colégio Adecita, a praça atrai várias crianças do Bairro São João II e do Bairro São João I.

TransportesEditar

O município é servido pela empresa de transporte Viação Rio Tinto Ltda., que faz a conexão intermunicipal com destino à municípios vizinhos e outros como João Pessoa e Guarabira.[11] "Moto-táxis" são mais comuns que táxis na cidade. Os táxis são mais usados para viajar para outras cidades.

EsportesEditar

  • Macacos Esporte Clube: clube fundado em 1952 por Zé Mororó. O atual presidente é o Lindo Oliveira.
     
    Daniel Moreira, secretário executivo de esportes da cidade de Itapororoca no primeiro aparamento do Campo Municipal José Ribeiro da Silva, no dia 30 de março de 2019.
  • Campo Municipal José Ribeiro da Silva "O Ribeirão", em homenagem ao ex-prefeito falecido da cidade "Zé Ribeiro". O campo foi inaugurado no dia 28 de dezembro de 2019, sendo o jogo inaugural entre a Seleção de Itapororoca contra o Confiança Esporte Clube.[12][13]

Feriados municipais[14]Editar

Dia 6 de janeiro - Santos Reis

Dia 20 de junho - Corpus Christi

Dia 24 de junho - São João (Padroeiro do município)

Dia 29 de dezembro - Emancipação Política

Referências

  1. a b Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (2017). «Base de dados por municípios das Regiões Geográficas Imediatas e Intermediárias do Brasil». Consultado em 10 de fevereiro de 2018 
  2. Mapa da Confederação Nacional de Municípios
  3. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  4. «Estimativa Populacional em 2019». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 20 de dezembro de 2019 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 
  7. [1]
  8. «CLIMA ITAPOROROCA». Climate-Data.org. Consultado em 6 de dezembro de 2018 
  9. a b c https://cidades.ibge.gov.br/brasil/pb/itapororoca/panorama  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  10. «População de Itapororoca-PB». BrasilSabido. Consultado em 6 de dezembro de 2018 
  11. «Empresa». Rio Tinto. Consultado em 16 de novembro de 2020 
  12. Daniel Moreira (8 de abril de 2019). «Campo Municipal Celso Morais de ITAPOROROCA-PB.». Facebook. Consultado em 18 de abril de 2019 
  13. «Prefeitura De Itapororoca-PB» 
  14. Tecnologia, Máxima. «Feriados Municipais | A cidade - Prefeitura Municipal de Itapororoca» 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre municípios da Paraíba é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.