Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo(a) por outra acepções do nome Pavlov, veja Pavlov (desambiguação).
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde janeiro de 2012). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ivan Pavlov Medalha Nobel
Condicionamento clássico
Inibição transmarginal
Modificação do comportamento
Nascimento 26 de setembro de 1849
Riazan, Rússia
Morte 27 de fevereiro de 1936 (86 anos)
Leningrado, URSS
Sepultamento Literatorskie mostki
Nacionalidade Russo, Soviético
Cidadania Império Russo, Rússia bolchevique, União Soviética
Alma mater Universidade de São Petersburgo
Ocupação químico, médico, fisiologista
Prêmios Medalha Cothenius (1903), Nobel prize medal.svg Nobel de Fisiologia ou Medicina (1904), Medalha Copley (1915)
Empregador Universidade Estatal de São Petersburgo
Religião ateísmo
Instituições Academia Médica Militar
Campo(s) Fisiologia, psicologia, medicina

Ivan Petrovich Pavlov (Riazan, 26 de setembro de 1849 - Leningrado, 27 de fevereiro de 1936) foi um fisiologista russo conhecido principalmente pelo seu trabalho no condicionamento clássico.

Foi premiado com o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1904, por suas descobertas sobre os processos digestivos de animais. Ivan Pavlov veio no entanto a entrar para a história por sua pesquisa em um campo que se apresentou a ele quase que por acaso: o papel do condicionamento na psicologia do comportamento (reflexo condicionado).

Casa de Ivan Pavlov em Riazan

Na década de 1920, ao estudar a produção de saliva em cães expostos a diversos tipos de estímulos palatares, Pavlov percebeu que com o tempo a salivação passava a ocorrer diante de situações e estímulos que anteriormente não causavam tal comportamento (como por exemplo o som dos passos de seu assistente ou a apresentação da tigela de alimento). Curioso, realizou experimentos em situações controladas de laboratório e, com base nessas observações, teorizou e enunciou o mecanismo do condicionamento clássico.

Um dos muitos cães usados por Pavlov nas suas experiências, Museu Pavlov, Rússia. Note-se que o recipiente utilizado para o armazenamento da saliva está cirurgicamente implantado no maxilar do animal.

A ideia básica do condicionamento clássico consiste em que algumas respostas comportamentais são reflexos incondicionados, ou seja, são inatas em vez de aprendidas, enquanto que outras são reflexos condicionados, aprendidos através do emparelhamento com situações agradáveis ou aversivas simultâneas ou imediatamente posteriores. Através da repetição consistente desses emparelhamentos é possível criar ou remover respostas fisiológicas e psicológicas em seres humanos e animais. Essa descoberta abriu caminho para o desenvolvimento da reflexologia e psicologia comportamental e mostrou ter ampla aplicação prática, inclusive no tratamento de fobias e nos anúncios publicitários entre outras aplicações da medicina e ciências cognitivas.

Foi sepultado no Cemitério de Volkovo em São Petersburgo.

Ligações externasEditar


Precedido por
Niels Finsen
Nobel de Fisiologia ou Medicina
1904
Sucedido por
Robert Koch
Precedido por
Joseph John Thomson
Medalha Copley
1915
Sucedido por
James Dewar


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Categoria no Commons
  Este artigo sobre um médico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.