Abrir menu principal

Ivo Wortmann

futebolista brasileiro

Ivo Ardais Wortmann[1] (Quaraí, 10 de março de 1949[2]) é um treinador e ex-futebolista brasileiro. Atualmente é auxiliar técnico do Guangzhou Evergrande.

Ivo Wortmann
Informações pessoais
Nome completo Ivo Ardais Wortmann
Data de nasc. 10 de março de 1949 (70 anos)
Local de nasc. Quaraí (RS),  Brasil
Informações profissionais
Equipa atual China Guangzhou Evergrande
Posição Auxiliar Técnico
(ex-volante)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1971-1972
1973-1976
1977-1978
Brasil Grêmio
Brasil America-RJ
Brasil Palmeiras
19 (0)
100 (2)
11 (1)
Seleção nacional
1975 Brasil Brasil 0 (0)
Times/Equipas que treinou
1982-1984
1985
1986
1987
1987
1987-1990
1991
1992
1992
1993-1994
1994
1994-1997
1998-2000
2000
2000-2001
2001
2001
2002
2002
2003
2004
2004-2005
2005
2006
2006-2007
2007-2008
2008
2009
2009
2010
2014-2015
2015-
Catar Al-Ahli
Brasil Grêmio Sub-20
Brasil Lajeadense
Brasil Brasil de Pelotas
Brasil Caxias
Arábia Saudita Arábia Saudita Sub-17
Brasil America
Brasil Criciúma
Flag of Qatar.svg Qatar
Catar Al-Ahli
Arábia Saudita Al-Shabab
Arábia Saudita Arábia Saudita Olímpica
Estados Unidos Miami Fusion
Brasil Botafogo
Brasil Coritiba
Brasil Cruzeiro
Brasil Coritiba
Brasil Internacional
Brasil Botafogo
Brasil Paysandu
Brasil Goiás
Brasil Juventude
Rússia Dínamo Moscou
Brasil Fluminense
Brasil Juventude
=Emirados Árabes Unidos Al-Wahda
Brasil Juventude
Brasil Coritiba
Brasil Juventude
Brasil Brasiliense
Brasil Grêmio (assistente)
China Guangzhou Evergrande (assistente)

CarreiraEditar

JogadorEditar

Como jogador, Ivo Wortmann, então conhecido apenas por Ivo, atuou como volante. Teve passagens marcantes pelo America-RJ e pelo Palmeiras.

TreinadorEditar

Como técnico, teve passagens por times tanto pequenos quanto grandes. Após passar pelo Coritiba em 2000-2001, sair para o Cruzeiro, tendo passagem ruim, voltou ao Coritiba. saiu no fim de 2001 e foi para o Internacional em 2002, tendo passagem rápida.

Ainda em 2002, foi treinador do Botafogo, sendo rebaixado. Assumiu o Paysandu em 2004, saindo antes do Brasileirão. Assumiu o Juventude. Teve boa passagem por Caxias do Sul, recebendo alguns convites.

Teve passagem meteórica pelo Goiás, voltando ao Juventude em 2005. Ficou até 2006 e passou pelo Fluminense, saiu com apenas seis jogos no time.

Passou pela terceira vez pelo Juventude, entre 2006 e 2007.

Em 2007 assumiu o Al-Wahda. Passou pelo Coritiba antes de ir para o Juventude de novo. Essa foi mais curta e menos bem-sucedida. Assumiu o Brasiliense e está sem clube desde 2009.

Assumiu como auxiliar técnico do Luiz Felipe Scolari no Grêmio em 2014.

TítulosEditar

Referências