Abrir menu principal

Jeffrén Suárez

futebolista espanhol

Jeffrén Isaac Suárez Bermúdez (Ciudad Bolívar, 20 de janeiro de 1988) é um futebolista venezuelano naturalizado espanhol. Atualmente, defende o AEK Larnaca, do Chipre.

Jeffrén Suárez
Jeffrén Suárez.jpg
Informações pessoais
Nome completo Jeffrén Isaac Suárez Bermúdez
Data de nasc. 20 de janeiro de 1988 (31 anos)
Local de nasc. Ciudad Bolívar, Venezuela
Nacionalidade venezuelano
espanhol
Altura 1,76 m[1]
Canhoto
Informações profissionais
Clube atual AEK Larnaca
Número style="background: #DDF; color: #2C2C2C; vertical-align: middle; text-align: center; " class="no table-no2"|ASA
Posição Ala
Clubes de juventude
2003–2004
2004–2006
Tenerife
Barcelona
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2006–2007
2006–2009
2008–2011
2011–2014
2014–2015
2015–2017
2017–2019
2019–
Barcelona C
Adanaspor
Barcelona
Sporting
Real Valladolid
Eupen
Grasshoppers
AEK Larnaca
0007 0000(1)
0082 000(14)
0032 0000(3)
0038 0000(5)
0047 0000(3)
0049 0000(5)
0045 0000(6)
0000 0000(0)
Seleção nacional3
2004
2004–2005
2006–2007
2007
2009–2011
2015–
Espanha Sub-16
Espanha Sub-17
Espanha Sub-19
Espanha Sub-20
Espanha Sub-21
Venezuela
0003 0000(0)
0003 0000(0)
0011 0000(5)
0001 0000(0)
0012 0000(2)
0004 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 9 de dezembro de 2018.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 24 de maio de 2016.

Índice

CarreiraEditar

Jeffrén estreou na equipe principal do Barcelona contra o Badalona, partida disputada pela Copa da Espanha, na temporada 2006-07, substituindo o argentino Javier Saviola, entrando aos oitenta e três minutos.

Durante a temporada 2007-08, defendendo o Barcelona B, marcou cinco gols, em trinta partidas, ajudando a equipe a retornar para a terceira divisão espanhola.

Na temporada 2008-09, Jeffrén teve nova oportunidade no elenco principal, quando foi chamado por Josep Guardiola, disputando todas as sete partidas da pré-temporada, tendo marcado dois gols, contra Fiorentina e New York Red Bulls. Sua estreia na La Liga, aconteceu na derrota por 2 a 1 para o Real Mallorca, em 17 de maio de 2009.[2]

Em 19 de dezembro de 2009, participou da grande final da Copa do Mundo de Clubes da FIFA de 2009. Na partida, contra o Estudiantes, da Argentina, o Barcelona ganhou na prorrogação com o gol de Lionel Messi no segundo tempo da prorrogação e o jogo terminou com a vitória do Barça, por 2-1, dando pela primeira vez o título mundial de clubes ao clube catalão.

Na temporada 2010-11, continuou tendo chances no time principal e atuou num total de 13 partidas, sendo oito pela La liga.

Em 3 de agosto de 2011, o Sporting acertou sua contratação para a temporada 2011-12. O clube português adquiriu o passe do jogador por cerca de 3,7 milhões de euros e estabeleceu sua cláusula de rescisão em 30 milhões. O contrato vai até junho de 2016.[3]

Seleção nacionalEditar

Ele esteve presente no plantel da seleção da Espanha que conquistou o Campeonato Europeu Sub-19 de 2006, tendo disputado oito partidas, marcando três gols.

Logo após este torneio, foi convocado pelo treinador da seleção da Venezuela, Richard Páez, para a disputada da Copa América 2007, mas acabou recusando, expressando que ainda não tinha decidido qual país defenderia, apesar de defender a Espanha nas categorias de base.

Em 6 de fevereiro de 2009, acabou recebendo o convite para defender a equipe sub-21 da Espanha, não podendo assim, mais defender sua seleção natal. Com o Sub-21 espanhol, venceu a Euro 2011, realizada na Dinamarca, ao lado de outros jogadores também naturalizados, como Thiago Alcântara.

TítulosEditar

Referências

Ligações externasEditar

   Este artigo sobre um futebolista espanhol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.