Jejes

Povos
Disambig grey.svg Nota: Para a língua falada em Gana e Togo, veja Língua jeje. Para o candomblé, veja Candomblé jeje.

Jejes, daomeanos,[3] evés, eués[4] ou euês[5] (em inglês: ewes) são um povo africano que habita o Togo, Gana, Benim (antigo Daomé)[2] e regiões vizinhas, representado, no contingente de escravos trazidos para o Brasil, pelos povos denominados fons, minas, fantes e axantes. O apogeu desse tráfico foi durante o século XVIII, durando até 1815, no chamado "Ciclo da Costa da Mina" ou "Ciclo de Benim e Daomé".[3]

Jejes
População total

1 615 700[1]

Regiões com população significativa
Benim[2]
Línguas
Religiões

Referências

  1. GhabaWeb Ewe população
  2. a b FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 986.
  3. a b BUENO, E. Brasil: uma história. 2ª edição. São Paulo. Ática. 2003. p. 115.
  4. * Alves, Henrique L. (1977). «Taunay e o Levantamento Histórico do Negro do Brasil». Divisão do Arquivo Histórico. Revista do Arquivo Municipal de São Paulo. 40 (189): 55 
  5. Lopes, Nei (2006). Bantos, malês e identidade negra. São Paulo: Forense Universitária. p. 47 
  Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.