Abrir menu principal
Jerónimo José da Mata
Nascimento 18 de dezembro de 1804
Sertã
Morte 5 de março de 1865 (60 anos)
Campo Maior
Cidadania Portugal
Religião Igreja Católica

D. Jerónimo José da Mata (Arnóia, Sertã, 18 de Dezembro de 1804 - Campo Maior, 5 de Março de 1865) foi Bispo da Diocese de Macau entre 1845 a 1862 [1][2].

Depois de ter recebido ordens menores no Seminário de Cernache do Bonjardim, viajou para Macau onde concluiu os estudos teológicos. Foi ordenado presbítero em 1829. Foi professor no Seminário de S. José em Macau. Publicou em Lisboa, em 1837, uma monografia destinada a recrutar pessoal para as missões na Ásia [3]. Em 1843, foi nomeado bispo-coadjutor de Macau, com o título de bispo de Altobosco.

D. Jerónimo José desempenhou uma papel fundamental na reconstrução da Sé de Macau que ele próprio consagrou em 14 de Fevereiro de 1850[4] e na ampliação do Recolhimento de Santa Rosa de Lima. Reorganizou também o Seminário de S. José.

A instâncias do governo do Reino de Portugal e de comunidades cristãs do Padroado Português no Extremo Oriente, visitou diversas cidades orientais que estavam sem bispo e aí ordenou diversos sacerdotes. Como nessa altura as relações diplomáticas entre o Vaticano e Portugal estavam cortadas, a acção de D. Jerónimo José valeu-lhe uma admoestação papal.[5]

Referências

  1. TEIXEIRA, Manuel (1979), Macau e a sua Diocese, Tip. do Orfanato Salesiano, Macau.
  2. Lista dos Bispos da Diocese de Macau no GCatholic.com (em inglês)
  3. MATA, D. Jerónimo José, Monografia das Missões Portuguesas (oferecida aos senhores deputados da Nação), Lisboa.
  4. http://www.olamacauguide.com/cathedral.html
  5. FARINHA, Padre A. L. (1930), A Sertã e o seu Concelho, Lisboa.
  Este artigo sobre catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre Episcopado (bispos, arcebispos, cardeais) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.