Jerônimo José de Mesquita

político brasileiro
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo nobre português, conde de Mesquita, veja Augusto César Ferreira de Mesquita.

Jerônimo José de Mesquita, primeiro barão, visconde com grandeza e conde de Mesquita, (Rio de Janeiro, 25 de junho de 1826 — Rio de Janeiro, 1º de setembro de 1886) foi um fazendeiro, empresário e político brasileiro.

Jerônimo José de Mesquita
Conde de Mesquita
Nascimento 25 de junho de 1826
  Rio de Janeiro, RJ
Morte 1 de setembro de 1886 (60 anos)
  Rio de Janeiro
Cônjuge Elisa Maria do Amorim
Descendência José Jerônimo de Mesquita
Jerônimo Roberto de Mesquita
Pai José Francisco de Mesquita
Mãe Francisca Freire de Andrade

Filho natural do Marquês do Bonfim e de Luísa Cândida d'Oliveira Penna, foi pai do 2º Barão do Bonfim e do 2º Barão de Mesquita.[1]

BiografíaEditar

Foi vereador da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, em 1853. Também membro da Caixa de Amortização, diretor do Banco do Brasil e presidente da Associação Comercial. Realizou vários donativos ao Estado e também para erigir o Monumento do Ipiranga e a estátua equestre de D. Pedro I.

Títulos e HonrasEditar

Agraciado barão em 13 de agosto de 1873, visconde em 19 de março de 1883 e finalmente conde em 12 de agosto de 1885.

HonrasEditar

Era comendador da Imperial Ordem da Rosa, da Imperial Ordem de Cristo e da Real Ordem de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa.

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Jerônymo José de Mesquita». www.genealogiafreire.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2021