Abrir menu principal
João Didelet
Nome completo João Carlos Bico Moura Didelet
Nascimento 13 de outubro de 1964 (55 anos)
Lisboa, Portugal Portugal
Nacionalidade Portugal Portuguesa
Ocupação Ator, Dobrador e encenador

João Carlos Bico Moura Didelet, mais conhecido por João Didelet[1] (Lisboa, 13 de outubro de 1964), é um actor, dobrador e encenador português.

BiografiaEditar

Sendo um aclamado nome da representação em Portugal e no estrangeiro, João Didelet, não só foi lisonjeado pelo humorista de renome Pedro Teixeira da Mota, no seu single intitulado de "João Didelet", como também foi referido inúmeras vezes pelos seus fãs assumidos e incondicionais: Pedro Teixeira da Mota (já referido anteriormente) e Luís Franco Bastos no seu Talk Show, Erro Crasso.

Concluiu o Curso de Formação de Actores da Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa (1990). Trabalhou regularmente no teatro, com encenadores como Alexandre de Sousa na peça Auto da Sibilia Cassandra de Gil Vicente (1990) , Artur Ramos em Felizmente Há Luar de Luís Sttau Monteiro (1993) ou Silvina Pereira na peça Sabina Freire. Com Jorge Listopad participou em O Valente Soldado Schueik de Hasek (1994) na Companhia de Teatro de Almada, Torresyalta de Filipe Pires, no âmbito da Lisboa - Capital Europeia da Cultura e Teclados de Teolinda Gersão (2001) no CCB. Interpretou William Shakespeare em Sonho de Uma Noite de Verão dirigido por João Perry no Teatro da Trindade (1996) e no Teatro da Garagem participou em A Menina que foi Avó (1998) O Homem que Ressuscitou (1997), Desertos (1997) e Peregrinação (1997), criações de Carlos J. Pessoa. Em 1997 apresentou-se no ACARTE com Alma 13 projecto de Madalena Victorino.

Actor regular no cinema, participou em quase dez películas, entre elas Jacinta de Jorge Paixão da Costa (2017), Stefan Zweig: Farewell to Europe de Maria Schrader (2016), Amália - O Filme de Carlos Coelho da Silva (2008) O Milagre Segundo Salomé de Mário Barroso (2004), Portugal S. A. de Ruy Guerra (2004), A Janela - Maryalva Myx de Edgar Pêra (2001), I'll See You in My Dreams de Miguel Ángel Vivas (2003), Debaixo da Cama de Bruno Niel (2003), Porto Santo de Vicente Jorge Silva (1997) e A Janela não é Paisagem de Edgar Pêra (1997).

Actualmente é formador no Instituto Restart, em Lisboa

TelevisãoEditar

Na televisão, popularizou-se com interpretações em novelas e séries:

Referências

  1. «Certidão de lista de associadas da Audiogest» (PDF). IGAC/Ministério da Cultura. 25 de julho de 2007. Consultado em 12 de Janeiro de 2014. Arquivado do original (pdf) em 24 de dezembro de 2013