Abrir menu principal

Joaquim Vítor da Silva foi um coronel da Guarda Nacional e seringalista brasileiro.

Foi vice-presidente do Estado Independente do Acre, tendo assumido a presidência de 15 de março a 25 de abril de 1900.


Precedido por
Luis Gálvez Rodríguez de Arias
Presidente do Acre
1900
Sucedido por
reintegração à Bolívia


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.