Abrir menu principal
Jofran Frejat
Jofran Frejat na tribuna da Câmara Federal
Deputado federal  Distrito Federal
Período 1 de fevereiro de 1987
31 de janeiro de 2003
(4 mandatos consecutivos)
1 de fevereiro de 2007
31 de janeiro de 2011
Dados pessoais
Nascimento 19 de maio de 1937 (82 anos)
Floriano, PI
Alma mater Universidade Federal do Rio de Janeiro
Cônjuge Denise Nunes Martins Frejat
Partido PDS (1980–1985)
PFL (1985–1993)
PP (1993–1995)
PPB (1995–2003)
PTB (2003–2007)
PR (2007–presente)
Profissão médico

Jofran Frejat (Floriano, 19 de maio de 1937) é um médico e político brasileiro, filiado ao Partido da República (PR). Foi deputado federal pelo Distrito Federal.[1]

BiografiaEditar

Filho de João Frejat e Adélia Frejat. Casado com Denise Nunes Martins Frejat. Formado pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro em 1962, mesmo ano que se mudou para Brasília onde trabalhou no Hospital Regional da Asa Sul. Pós-graduado pela Universidade de Londres em 1972 é titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, da Sociedade Brasileira de Mastologia e do Colégio Internacional de Cirurgiões.[1] Diretor do Instituto Médico Legal do Distrito Federal (1973-1979) nos governos Hélio Prates da Silveira e Elmo Serejo Farias, foi Secretário de Saúde no governo Aimé Lamaison e posteriormente secretário-geral do Ministério da Previdência Social além de ocupar uma cadeira no conselho diretor da Fundação Hospitalar do Distrito Federal.

Eleito deputado federal pelo PFL do Distrito Federal em 1986[2] e participou da Assembleia Nacional Constituinte que elaborou a Constituição de 1988. Reeleito em 1990, afastou-se para ocupar a Secretaria de Saúde no segundo governo Joaquim Roriz.[3] Filiado ao PP, foi reeleito em 1994, ingressou no PPB, votou contra a Emenda da Reeleição e conquistou um novo mandato em 1998, afastando-se para retornar à Secretaria de Saúde no terceiro governo Joaquim Roriz.[4]

Disputou uma cadeira no Senado Federal em 2002[2] ingressou no PTB e foi reeleito deputado federal em Eleições distritais no Distrito Federal em 2006 fazendo dele, o recordista de mandatos pelo Distrito Federal.

Em 2014, torna-se candidato ao Governo do Distrito Federal. No dia 5 de outubro de 2014, Jofran Frejat consegue 27,72% dos votos válidos para Governador do DF, passando a disputar o segundo turno que foi vencido pelo senador Rodrigo Rollemberg.

Em 2018, inicia processo de pré candidatura ao GDF pelo seu partido PR. Durante todo o ano o processo se consolida mas o candidato desiste de concorrer ao Governo do Distrito Federal.

Referências

  1. a b «Câmara dos Deputados do Brasil: deputado Geraldo Campos». Consultado em 31 de maio de 2013 
  2. a b «Banco de dados do Tribunal Superior Eleitoral: eleições no Distrito Federal». Consultado em 31 de maio de 2013 
  3. Segundo a Câmara dos Deputados ocupou o cargo entre fevereiro de 1991 e dezembro de 1992, período em que foi convocados os suplentes Geraldo Maciel e Eurides Brito. De volta à secretaria, entre fevereiro e março de 1994, foi substituído por João Brochado.
  4. Foi substituído por Ricardo Noronha.