Johannes Walaeus

Johannes Walaeus (Jan de Wale, Johannes de Waal) (* Koudekerke, Walcheren, 27 de Dezembro de 1604/1607 - Leiden, 1649), foi médico holandês e professor da Faculdade de Medicina da Universidade de Leiden. Era filho do pregador e professor de teologia Antonius Walaeus (1573-1639)[1].

Johannes Walaeus
(1604-1649)
Jan de Wale
Nascimento 27 de dezembro de 1604
Koudekerke, Walcheren,  Países Baixos
Morte 1649
Leiden,  Países Baixos
Alma mater Universidade de Leiden
Ocupação Médico e anatomista holandês e professor de da Faculdade de Medicina da Universidade de Leiden.

BiografiaEditar

Walaeus nasceu na Zelândia, mas estudou filosofia e medicina em Leiden, onde também conseguiu o seu doutorado (1631), tornando-se professor em 1632 e em 1633 professor associado da mesma universidade. Em 1648, um ano antes da sua morte, tornou-se professor titular.

Em Leiden, Walaeus teve contato com Franciscus Sylvius, onde conversaram sobre a teoria da circulação de William Harvey. A princípio Walaeus não parecia estar de acordo com a teoria, mas posteriormente foi convencido do seu equívoco a partir das evidências dos experimentos de Sylvius, e tornou-se posteriormente um defensor da teoria de Harvey. Walaeus pode ser considerado um dos fundadores da fisiologia experimental.

Teoria da Circulação do Sangue de William HarveyEditar

Em 1640, Walaeus enviou duas cartas, onde defendia a teoria de Harvey, ao seu aluno, Thomas Bartholinus, que foram publicadas na obra: As Instituições Anatômicas. Walaeus foi o primeiro a confirmar a teoria de Harvey através de uma série de novos experimentos engenhosamente projetados, principalmente por meio das ligaduras vasculares. Ele também aumentou consideravelmente o conhecimento a respeito do fluxo sanguíneo influenciado pelas idéias de Harvey no anos 1640. Embora tendo publicado apenas doze anos depois do lançamento da obra De motu cordis et sanguinis (Sobre o Movimento do Coração e Sanguíneo, 1628), coube a ele oferecer o ímpeto decisivo para o reconhecimento dessa verdade em uma época quando essa teoria era ampla e apaixonadamente contestada[2].


ReferênciasEditar

NotasEditar

  1. Antonius Walaeus (1573-1639) (* Gent, 3 de Outubro de 1573 - Leiden, 9 de Julho de 1639), foi reformador, pregador e ministro calvinista holandês.
  2. New Light on William Harvey - Walter Pagel, pág. 113.