Jorge Patino Macaco

(Redirecionado de Jorge Patino)

Jorge Luis Patino, mais conhecido como Jorge Patino "Macaco" (São Paulo, 01973-05-08 8 de maio de 1973), é um lutador brasileiro de artes marciais mistas. Seu estilo é baseado em suas habilidades no jiu-jítsu brasileiro. Patino competiu em grandes organizações como UFC, PRIDE, Strikeforce, Legacy FC, Jungle Fight, Pancrase, World Series of Fighting, Cage Rage, and Titan FC e começou sua carreira em 1995, na época do vale-tudo.

Jorge Patino

Jorge Patino Macaco, campeão do Thunder Fight 43
Informações
Nome de
nascimento
Jorge Luis Patino
Nascimento 8 de maio de 1973 (51 anos)
São Paulo, SP, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Outros nomes Macaco
Residência Orlando, Flórida, EUA
Alunos notáveis Charles Oliveira do Bronxs, Allan Puro Osso, Daniel Willycat Santos
Altura 1,71 m
Peso 70 kg
Divisão Peso Leve
Peso Meio-Médio
Peso Médio
Modalidade Jiu-jítsu brasileiro
Posição Canhoto
Luta por São Paulo, Brasil
Equipe Chute Boxe (1996-2007)
Gold Team Fighters USA (2010-presente)
Gold Team Fighters Houston (2008-presente)
Macaco Gold Team (2001-presente)
Treinador Diego Lima
Graduação      5° Grau da faixa preta em jiu-jítsu brasileiro
     2° Grau da faixa preta em judô
Período em
atividade
1995-presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 54
Vitórias 39
Por nocaute 18
Por finalização 9
Por decisão 9
Por desqualificação 3
Derrotas 19
Por nocaute 6
Por finalização 2
Por decisão 11
Empates 2
Sem resultado 2
Outras informações
Cartel no MMA pelo Sherdog
última atualização: 30 de abril de 2023

Ele ficou conhecido por suas duas lutas contra José "Pelé" Landi-Jons.[1] Ele tem vitória notável sobre Ronaldo "Jacaré" Souza na estreia de Jacaré no vale tudo que mais tarde viraram amigos e chegaram a treinar juntos.

Patino é o líder da equipe Macaco Gold Team, equipe que conta com filiais por todo o mundo, e é parceiro da Chute Boxe Diego Lima. Macaco desempenha um papel importante na formação e orientação de outros lutadores. Ele deu a faixa preta e é treinador de jiu-jitsu o ex-campeão peso-leve do UFC Charles "do Bronx" Oliveira.[2]

Biografia editar

Macaco começou a treinar Jiu-jitsu Brasileiro quando era jovem, no ano de 1991, alcançando a faixa preta em 1998.[3]

Carreira no MMA editar

Jorge começou a competir no vale tudo no ano de 1995, derrotando três oponentes no evento independente Circuito de Lutas 1. Macaco fez uma sequência de vitórias, derrotando vários oponentes, antes de ser nocauteado por João Bosco no Torneio dos Gladiadores 2, seu segundo oponente na noite. Depois, Jorge lutou no BVF 6 – Campeonato Brasileiro de Vale Tudo 1, onde ele derrotou Anderson Lima por nocaute, Erico Correia por finalização com golpes, e então enfrentou José Landi-Jons, também conhecido como Pelé, em uma luta épica.[4] Após quase 15 minutos de luta, Pelé derrotou Macaco, fazendo-o desistir com golpes. Os dois então fizeram uma revanche, onde novamente Landi-Jons ganhou. Em um feito histórico, aos 49 anos, Macaco conquistou o cinturão do Thunder Fight 43, realizado em São Paulo-SP, no dia 14 de abril de 2023,.

Lutando no exterior editar

Macaco então assinou com o UFC, onde ele enfrentou o Campeão Meio Médio do UFC Pat Miletich no UFC 18. O campeão defendeu com sucesso seu título, derrotando Patino por decisão unânime. Macaco então foi lutar na promoção japonesa DEEP, empatando com Daisuke Ishii. Suas próximas duas lutas aconteceram no Brasil, pelo Meca World Vale Tudo, onde ele enfrentou Gustavo "Ximú" Machado. Jorge teve um corte em seu pé enquanto jogava futebol, e foi para a luta ainda com pontos e curativos. Ximú aproveitou a oportunidade, e derrotou Patino com uma chave de calcanhar, depois garantindo uma revanche a seu oponente.[5] Depois, no Meca World Vale Tudo 8, Luiz Cláudio das Dores enfrentou Macaco, mas a luta foi mudada para Sem Resultado devido a uma má interrupção do árbitro. Em 2003, no primeiro evento do Jungle Fight, Macaco enfrentou Ronaldo Souza, mais conhecido como Jacaré. Patino nocauteou Jacaré no primeiro round da luta, onde era a estréia de Jacaré no MMA.[6]

Depois, Macaco então retornou ao Meca, derrotando Luiz Brito no Meca World Vale Tudo 10 por decisão dividida. Após isso, ele lutou na promoção japonesa Pride FC, no Pride Bushido 3, onde ele enfrentou Kazuo Misaki. Misaki venceu por decisão unânime, e esse foi o fim de Jorge Patino no Pride.

Após Nate Moore ter que se retirar da luta contra o Campeão Mundial de Jiu Jitsu Brasileiro André Galvão no Strikeforce, Patino aceitou a luta a pouco tempo do evento Strikeforce: Houston. Porém, ele foi derrotado no terceiro round com socos.[7][8]

Legacy Fighting Championships editar

Em sua estreia na organização, Patino derrotou Pete Spratt por decisão dividida em 16 de setembro de 2011 para conquistar o Título dos Meio Médios no Legacy FC 8.

Em 16 de dezembro de 2011 ele enfrentou Mike Bronzoulis e o derrotou por decisão unânime, para defender seu título no evento principal do Legacy FC 9.

Em 11 de maio de 2012 Patino desceu para a categoria dos leves para enfrentar Jesus Rivera no evento principal do Legacy FC 11, pelo Título Peso Leve Vago.[9] Porém, um dia antes da luta acontecer, Rivera desistiu da luta e o estreante Clay Hantz aceitou a luta em cima da hora.

Thunder Fight Legends editar

 
Aos 49 anos, Jorge Patino "Macaco" no Thunder Fight 43 Championship em São Paulo, com o apoio de Charles "do Bronx" Oliveira em seu córner.

Aos 49 anos, Jorge Patino "Macaco" surpreendeu os fãs em seu retorno ao MMA durante a 43ª edição do Thunder Fight, que aconteceu no evento multiesportivo Arnold Classic South America, em São Paulo. O experiente Macaco triunfou em sua luta contra Serginho Soares, que desistiu no 4º round, conquistando assim o cinturão Legends.

 
Jorge Patino macaco Campeão Thunder Fight 43 Legend

O evento só foi possível graças ao apoio da equipe Chute Box Diego Lima, de seu pupilo Charles Oliveira e da BetCombat, que desempenharam um papel fundamental na realização da competição. Além disso, é importante destacar que o oponente de Macaco estava 10 kg acima do peso, mas mesmo assim, Macaco mostrou estar excepcionalmente bem preparado, tanto física quanto mentalmente, para enfrentar o desafio.

Campeonatos e realizações editar

  • Legacy Fighting Championship
    • Título Peso Leve do Legacy FC (Uma vez, perdeu para Carlos Diego Ferreira)
    • Uma defesa de título
    • Título Peso Meio Médio do Legacy FC (Uma vez)
    • Duas defesa de título
  • Predator Fighting Championship
    • Título Peso Leve do Predator FC (Uma vez)
  • Max Spot
    • Título Peso Leve do Max Sport (Uma vez)
  • Fight Masters Combat
    • Título Peso Leve do FMC (Uma vez)
  • Real Fight
    • Título Peso Leve do Real Fight (Uma vez)
  • Thunder Fight
    • Título Peso Leve do Thunder Fight (Uma vez)
    • Thunder Fight 43
    • Campeão Peso Leve do Thunder Fight Legend (Uma vez)

Cartel no MMA editar

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Vitória 39-19-2 (2) Sergio Soares Nocaute Técnico (abandono) Thunder Fight 4 14/04/2023 3 5:00   São Paulo
NC 38-19-2 (2) Yousef Wehbe Sem Resultado (anulada) Battlefield: The Great Beginning 18/03/2017 1 4:50   Seul Luta no meio-médio. Originalmente uma vitória de Patino, o resultado dessa luta foi posteriormente alterado para No Contest devido a um erro do árbitro.
Derrota 38-19-2 (1) Sabah Homasi Nocaute (soco) Titan FC 40 05/08/2016 2 1:18   Coral Gables, Flórida
Derrota 38-18-2 (1) Alexander Sarnavskiy Decisão (unânime) Abu Dhabi Warriors 4 24/05/2016 3 5:00   Abu Dhabi
Derrota 38-17-2 (1) João Zeferino Finalização (chave de calcanhar) WSOF 25 20/11/2015 1 1:24   Phoenix, Arizona Semifinal do torneio do leves do WSOF.
Derrota 38-16-2 (1) Islam Mamedov Decisão (unânime) 2 5:00 Quartas de final do torneio do leves do WSOF.
Vitória 38-15-2-1 Celsinho Vinícius Decisão (unânime) Thunder Fight 4 20/06/2015 5 5:00   São Paulo Ganhou o Título Peso leve do Thunder Fight.
Vitória 37-15-2-1 Sergio Soares Nocaute tecnico Real Fight 12 13/12/2014 4   São José dos Campos, São Paulo Ganhou o Título Peso leve do Real Fight.
Vitória 36-15-2-1 Eric Reynolds Decisão (unânime) WSOF 15 15/11/2014 3   Tampa, Florida
Derrota 35-15-2-1 Luis Palomino Nocaute (socos) WSOF 8: Gaethje vs. Patishnock 18/01/2014 2 4:20   Hollywood, Flórida
Vitória 35-14-2-1 Wagner Galeto Nocaute Técnico (interrupção médica) FMC 1: Macaco vs. Galeto 07/12/2013 3 2:32   São Paulo Ganhou o Título Peso leve do FMC.
Derrota 34-14-2-1 Carlos Diego Ferreira Decisão (unânime) Legacy FC 25 15/11/2013 5 5:00   Houston, Texas Perdeu o Título Peso Leve do Legacy FC.
Vitória 34-13-2-1 Efrain Escudero Decisão (dividida) Max Sport: 13.2 11/05/2013 3 5:00   São Paulo Ganhou o Título Peso Leve do Max Sport
Empate 33-13-2-1 Isao Kobayashi Empate (unânime) Pancrase 246 17/03/2013 3 5:00   Tóquio
Vitória 33-13-1-1 Derrick Krantz Finalização (triângulo com guilhotina) Legacy FC 18 01/03/2013 2 3:07   Houston, Texas Defendeu o Título Meio Médio do Legacy FC.
Vitória 32-13-1-1 Gerson Cordeiro Finalização (mata leão) Predador FC 22 20/10/2012 1 N/A   São José do Rio Preto, São Paulo Ganhou o Título Peso Leve Vago do Predator FC.
Vitória 31-13-1-1 Clay Hantz Nocaute (socos) Legacy FC 11 11/05/2012 1 1:04   Houston, Texas Ganhou o Título Peso Leve do Legacy FC.
Vitória 30-13-1-1 Mike Bronzoulis Decisão (unânime) Legacy FC 9 16/12/2011 5 5:00   Houston, Texas Defendeu o Título Meio Médio do Legacy FC.
Vitória 29-13-1-1 Pete Spratt Decisão (dividida) Legacy FC 8 16/09/2011 5 5:00   Houston, Texas Ganhou o Título Meio Médio do Legacy FC.
Vitória 28-13-1-1 Cleburn Walker Finalização (neck crank) Quality Entertainment 09/04/2011 1 3:57   Austin, Texas
Derrota 27-13-1-1 André Galvão Nocaute Técnico (socos) Strikeforce: Houston 21/08/2010 3 2:45   Houston, Texas
Derrota 27-12-1-1 Roan Carneiro Decisão (unânime) Shine Fights 2: ATT vs. The World 04/09/2009 3 5:00   Miami, Florida
Vitória 27-11-1-1 Beau Baker Decisão (unânime) KAP: The Return of Macaco 07/02/2009 3 5:00   Newark, New Jersey
Derrota 26-11-1-1 Kyacey Uscola Decisão (unânime) PFP: Ring of Fire 09/12/2007 3 5:00   Manila
Vitória 26-10-1-1 Gustavo Machado Decisão (dividida) Predador FC 6: Octagon 25/08/2007 3 5:00   São Paulo
Derrota 25-10-1-1 Luis Santos Decisão (unânime) Midway Fight 10/05/2007 3 5:00   São Paulo
Derrota 25-9-1-1 Fernando "Margarida" Pontes Decisão (unânime) Showfight 5 09/11/2006 3 5:00   São Paulo
Vitória 25-8-1-1 Roberto Godoi Nocaute Técnico (socos) Super Challenge 1 07/10/2006 2 5:00   Barueri, São Paulo
Vitória 24-8-1-1 Curtis Stout Decisão (unânime) Cage Rage 16: Critical Condition 22/04/2006 3 5:00   Londres
Derrota 23-8-1-1 Eduardo Pamplona Decisão (unânime) Showfight 4 06/04/2006 3 5:00   São Paulo
Vitória 23-7-1-1 Gabriel Vella Nocaute (socos) Showfight 3 21/10/2005 1 1:40   São Paulo
Vitória 22-7-1-1 Carlos Baruch Nocaute Técnico (socos) Jungle Fight 4 21/05/2005 2 3:57   Manaus, Amazonas
Vitória 21-7-1-1 Boris Jonstomp Finalização (triângulo de braço) Jungle Fight 3 23/10/2004 2 N/A   Manaus, Amazonas
Derrota 20-7-1-1 Delson Heleno Decisão (unânime) Meca World Vale Tudo 11 05/06/2004 3 5:00   Teresópolis, Rio de Janeiro
Derrota 20-6-1-1 Kazuo Misaki Decisão (unânime) Pride Bushido 3 25/05/2004 2 5:00   Yokohama
Vitória 20-5-1-1 Luis Brito Decisão (dividida) Meca World Vale Tudo 10 20/12/2003 3 5:00   Curitiba, Paraná
Vitória 19-5-1-1 Ronaldo Souza Nocaute (soco) Jungle Fight 1 13/09/2003 1 3:13   Manaus, Amazonas
NC 18-5-1-1 Luiz Claudio das Dores Sem Resultado (interrupção prematura) Meca World Vale Tudo 8 16/05/2003 1 4:36   Curitiba, Paraná
Derrota 18-5-1 Gustavo Machado Finalização (chave de calcanhar) Meca World Vale Tudo 6 31/01/2002 1 2:00   Curitiba, Paraná
Empate 18-4-1 Daisuke Ishii Empate Deep: 1st Impact 08/01/2001 3 5:00   Nagoya
Derrota 18-4 Pat Miletich Decisão (unânime) UFC 18 08/01/1999 1 21:00   New Orleans, Louisiana Pelo Cinturão Meio Médio do UFC.
Derrota 18-3 José Landi-Jons Nocaute Técnico (corte) World Vale Tudo Championship 4 16/03/1997 1 9:37   Brasil
Derrota 18-2 José Landi-Jons Finalização (golpes) BVF 6: Campeonato Brasileiro de Vale Tudo 1 01/11/1996 1 14:19   Brasil
Vitória 18-1 Erico Correia Finalização (golpes) BVF 6: Campeonato Brasileiro de Vale Tudo 1 01/11/1996 1 0:47   Brasil
Vitória 17-1 Anderson Lima Nocaute (socos) BVF 6: Campeonato Brasileiro de Vale Tudo 1 01/11/1996 1 0:50   Brasil
Derrota 16-1 Joao Bosco Nocaute (socos) Torneio dos Gladiadores 2 16/08/1996 1 0:33   Brasil
Vitória 16-0 Carlos Arantes Nocaute Técnico (socos) Torneio de Gladiadores 2 16/08/1996 1 1:20   Brasil
Vitória 15–0 Joao Joao Nocaute Técnico (socos) Torneio de Gladiadores 2 16/08/1996 1 0:17   Brasil
Vitória 14–0 Claudio Neves Finalização (mata leão) Torneio de Gladiadores 1 24/06/1996 1 3:50   São Paulo
Vitória 13–0 Antonio Pedra Finalização (keylock) Torneio de Gladiadores 1 24/06/1996 1 2:19   São Paulo
Vitória 12–0 Reinaldo Chagas Nocaute Técnico (cotoveladas) Torneio de Gladiadores 1 24/06/1996 1 0:59   São Paulo
Vitória 11-0 Pedro Leao Nocaute Técnico (interrupção médica) Natal Freestyle 1 10/05/1996 1 6:14   Natal, Rio Grande do Norte
Vitória 10-0 Kiko Boxe Nocaute Técnico (socos) Natal Freestyle 1 10/05/1996 1 0:48   Natal, Rio Grande do Norte
Vitória 9-0 Silvio Karate Finalização (guilhotina) Natal Freestyle 1 10/05/1996 1 0:29   Natal, Rio Grande do Norte
Vitória 8–0 Ivo dos Reis Finalização (golpes) Circuito de Lutas 3 12/09/1995 1 1:01   São Paulo
Vitória 7–0 Guaracy Pereira Finalização (golpes) Circuito de Lutas 3 12/09/1995 1 1:07   São Paulo
Vitória 6–0 Claudionor Cardoso da Silva Finalização (triângulo) Circuito de Lutas 2 05/07/1995 1 3:06   São Paulo
Vitória 5–0 Jose de Campos Finalização (mata leão) Circuito de Lutas 2 05/07/1995 1 0:57   São Paulo
Vitória 4–0 Paulo de Jesus Finalização (socos) Circuito de Lutas 2 05/07/1995 1 0:27   São Paulo
Vitória 3–0 Claudionor Cardoso da Silva Finalização (chave de braço) Circuito de Lutas 1 01/04/1995 1 0:28   São Paulo
Vitória 2–0 Ricardo Antiorio Finalização (socos) Circuito de Lutas 1 01/04/1995 1 0:27   São Paulo
Vitória 1–0 Dulcino Silva Finalização (mata leão) Circuito de Lutas 1 01/04/1995 1 0:16   São Paulo

Referências

Ligações externas editar