Abrir menu principal

José Fábio Santos de Oliveira

futebolista brasileiro

José Fábio Santos de Oliveira, mais conhecido como Fábio Santos (Maceió, 21 de abril de 1987), é um futebolista brasileiro que atua como atacante. Atualmente está sem clube.

Fábio Santos
Informações pessoais
Nome completo José Fábio Santos de Oliveira
Data de nasc. 21 de abril de 1987 (32 anos)
Local de nasc. Maceió (AL),  Brasil
Altura 1,84 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição Atacante
Clubes de juventude
2000–2002
2002–2003
Real Sports
Corinthians-AL
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2003–2004
2004–2005
2005
2006
2007
2007
2008
2009
2010
2011
2011
2011–2012
2012
2012
2013
2013–2014
2015
2015
2015
2016
Corinthians-AL
Coruripe
Mito HollyHock (emp.)
Shonan Bellmare (emp.)
Gama (emp.)
Villa Rio
Botafogo (emp.)
Tokushima Vortis (emp.)
São Caetano
Oeste
Avaí
Vitória (emp.)
Red Bull Brasil (emp.)
Avaí
Daegu FC
Oeste
Ponte Preta
América-RN
Central
URT


0013 0000(3)
0015 0000(3)


0045 0000(4)
0030 0000(3)
0009 0000(1)
0018 0000(9)
0008 0000(1)
0017 0000(7)
0003 0000(0)
0002 0000(0)
0002 0000(0)
0015 0000(2)
0008 0000(1)
0000 0000(0)
000 0000
0005 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 21 de junho de 2019.

CarreiraEditar

Fábio começou na base do Real Sports, de Alagoas, onde chegou a fazer 28 gols. Este fato despertou a atenção do Corinthians Alagoano, que o contratou.[1] Seus 83 gols nos juniores e nos juvenis o levaram para o futebol japonês, onde defendeu o Mito HollyHock[2] e o Shonan Bellmare.

Fábio teve uma rápida passagem pelo Gama, onde pouco foi aproveitado. Logo, foi contratado pelo Botafogo para a temporada 2008.[3] Estreou pela equipe em jogo pela Copa Peregrino, contra o Stabæk, entrou no segundo tempo e logo marcou um gol.[4]

No dia 2 de fevereiro de 2008, disputou seu primeiro clássico pelo Botafogo, contra o Vasco da Gama, Fábio entrou no segundo tempo, no lugar de Jorge Henrique, que saiu machucado e sofreu o pênalti convertido por Lúcio Flávio, que deu a vitória ao Botafogo.[5] Fábio era constantemente relacionado para o banco de reservas, entrando, muitas vezes, no segundo tempo das partidas. Integrou, também, o Botafogo B, que, em junho de 2008, que disputou amistosos e o torneio OBI Cup, na Suíça. O atacante terminou sua passagem de um ano pelo alvinegro carioca depois de disputar mais de 40 partidas, a maioria como reserva.

Fábio retornou ao Japão em 2009, desta vez para atuar pelo Tokushima Vortis.[6] Em 2010, voltou ao Brasil para atuar pelo São Caetano. Obteve grande destaque no Campeonato Paulista de 2011, atuando pelo Oeste.[7]

Para o segundo semestre de 2011, foi anunciado como reforço do Avaí, para as disputas da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro.[8] Com apenas 8 jogos e 1 gol, no dia 23 de julho deixou o Avaí e assinou com o Vitória.[9] Na sequência, para a temporada de 2012, foi anunciado como reforço do Red Bull Brasil.[10]

Na temporada de 2013, Fábio reforçou o elenco do Daegu FC, da Coreia do Sul.

Em 2013, acertou com o Oeste.

TítulosEditar

Botafogo
Oeste

Prêmios individuaisEditar

Referências

Ligações externasEditar