Joseph Bertrand

matemático francês
Joseph Bertrand
Nascimento 11 de março de 1822
Paris
Morte 3 de abril de 1900 (78 anos)
Paris
Nacionalidade francês
Cidadania França
Progenitores Pai:Alexandre Bertrand
Filho(s) Marcel Alexandre Bertrand
Irmão(s) Alexandre Bertrand
Alma mater Escola Politécnica, Lycée Saint-Louis, Mines ParisTech
Ocupação matemático, economista, professor
Prêmios Grande Oficial da Legião de Honra, Membro Estrangeiro da Royal Society
Empregador Collège de France, Lycée Saint-Louis, Escola Normal Superior de Paris

Joseph Louis François Bertrand (Paris, 11 de março de 1822 — Paris, 3 de abril de 1900) foi um matemático, historiador de ciências e acadêmico francês.[1]

Em 1845 lançou a conjectura que sempre existe ao menos 1 número primo entre n e 2n-2 para todo n maior do que 3. Tchebychev demonstrou essa conjectura, o postulado de Bertrand, em 1850.

ObrasEditar

Referências

  1. «Joseph BERTRAND». Académie Française. Consultado em 15 de fevereiro de 2013 

Ver tambémEditar


Precedido por
Jean-Baptiste Dumas
Academia Francesa - cadeira 40
1884 — 1900
Sucedido por
Marcellin Berthelot


  Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

]