Abrir menu principal
O poeta Gonçalves Dias, filho de pai português e mãe cafuza, representava a síntese do povo brasileiro

Juçara foi um termo amplamente usado na geografia humana do Brasil para descrever a pessoa que descende ao mesmo tempo da miscigenação dos três tipos étnicos de base formadores do povo brasileiro: branco, negro e índio. Em virtude do referido tripé étnico, os juçaras representaram por muito tempo a síntese do povo brasileiro.[1]

Junto com mulato, caboclo e cafuzo, o termo juçara foi amplamente usado na bibliografia brasileira até meados da década de 70,[2] quando o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) adotou a nomenclatura "pardo" (1976) para designar quaisquer mestiços, sobretudo os com antepassados negros, índios e seus derivados.[2] A partir de então, o termo juçara caiu em desuso.[2]

(...) Mas há de referir tipos mais complexos de mestiços, como é o caso do chamado juçara, em que se nota a presença de sangue branco, negro e índio, síntese dos tipos étnicos fundamentais, cuja presença já foi notada no Maranhão.

— Aroldo de Azevedo, geógrafo[3]

Testes genéticos nas últimas décadas mostraram que o brasileiro comum tem, em diferentes proporções, sangue dos três povos que formaram o país desde sua colonização.[4][5]

Referências

  1. Mário de Andrade (1944). Macunaíma, volume 4. [S.l.]: Livraria Martins editora. 220 páginas 
  2. a b c Grant Hermans Cornwell, Eve Walsh Stoddard (2001). Global Multiculturalism: Comparative Perspectives on Ethnicity, Race, and Nation. [S.l.]: Rowman & Littlefield. 354 páginas. isbn 9780742508835 
  3. Aroldo de Azevedo (1968). Brasil: a terra e o homem. [S.l.]: Cia. Ed. Nacional. 488 páginas 
  4. Da redação (28 de maio de 2007). «Metade de negros em pesquisa tem ancestral europeu». BBC Brasil. Consultado em 2 de setembro de 2018 
  5. Reinaldo Azevedo (20 de fevereiro de 2017). «Que Mama África que nada! É Mama Europa, mesmo!». Revista Veja. Consultado em 2 de setembro de 2018 
  Este artigo sobre antropologia ou um antropólogo é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.