Abrir menu principal
Marechal de Campo O Muito Honorável
O Visconde Byng de Vimy
GCB GCMG MVO
Governador-geral do Canadá
Período 2 de agosto de 1921
a 5 de agosto de 1926
Monarca Jorge V
Antecessor O Duque de Devonshire
Sucessor O Visconde Willingdon
Dados pessoais
Nome completo Julian Hedworth George Byng
Nascimento 11 de setembro de 1862
Wrotham Park, Hertfordshire,
 Reino Unido
Morte 6 de junho de 1935 (72 anos)
Thorpe-le-Soken, Essex,
 Reino Unido
Progenitores Mãe: Harriet Elizabeth Cavendish
Pai: George Byng, 2.º Conde de Strafford
Alma mater Eton College
Esposa Evelyn Moreton (1902–1925)
Assinatura Assinatura de Julian Byng
Serviço militar
Serviço/ramo Exército Britânico
Anos de serviço 1879–1919
Graduação Marechal de campo
Conflitos Guerra Mahdista
Segunda Guerra dos Bôeres
Primeira Guerra Mundial

Julian Hedworth George Byng, 1.º Visconde Byng de Vimy GCB GCMG MVO (Wrotham Park, 11 de setembro de 1862 – Thorpe-le-Soken, 6 de junho de 1935) foi um oficial do Exército Britânico e o 12.º Governador-geral do Canadá.[1][2]

BiografiaEditar

Conhecido pelos amigos como "Bungo", nasceu no seio de uma família nobre em Wrotham Park em Hertfordshire, Inglaterra, e estudou no Eton College, tal como os seus irmãos. Depois de se licenciar, Byng prestou serviço como oficial de milícias seguindo-se uma comissão no Egipto e Sudão, antes de ir para o Staff College at Camberley. Ali, conheceu alguns amigos que seriam seus colegas quando passou a oficial superior em França. Depois de se distinguir na Primeira Guerra Mundial — em particular na Força Expedicionária Britânica em França, na Campanha de Galípoli, como comandante do Corpo Canadiano em Vimy Ridge, e como comandante do 3.º Exército Britânico — Byng foi distinguido em 1919 com o pariato. Em 1921, foi nomeado governador-geral pelo rei Jorge V, por recomendação do primeiro-ministro do Reino Unido David Lloyd George, para substituir o Duque de Devonshire como vice-rei, e ocupar esse posto até ser sucedido pelo Visconde de Willingdon em 1926.

Depois do seu serviço como vice-rei, Byng regressou para ser nomeado Comissário da Polícia Metropolitana, e distinguido como Visconde Byng de Vimy. Três anos de chegar a marechal-de-campo, Byng morreu em sua casa em 6 de Junho.

Referências

  1. Turner, Alexander (2005). Vimy Ridge 1917: Byng's Canadians Triumph at Arras. [S.l.]: Osprey Publishing. ISBN 978-1841768717 
  2. Williams, Jeffery (1983). Byng of Vimy: General and Governor General. [S.l.]: Leo Cooper in association with Secker & Warburg. ISBN 978-0850523003 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Julian Byng
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.