Juvenal Lamartine de Faria

Juvenal Lamartine de Faria
Nascimento 9 de agosto de 1874
Serra Negra do Norte
Morte 18 de junho de 1956 (81 anos)
Natal
Cidadania Brasil
Ocupação jornalista, advogado, político

Juvenal Lamartine de Faria (Serra Negra do Norte, 9 de agosto de 1874Natal, 18 de junho de 1956) foi um advogado, jornalista, magistrado e político brasileiro.

Foi governador do Rio Grande do Norte[1] por dois anos e nove meses, sendo destituído com o advento da Revolução de 1930 comandada por Getúlio Vargas, que depôs todos os governadores eleitos na época, inclusive os revolucionários. Exilou-se na Europa, retornando ao estado já no governo de Rafael Fernandes Gurjão.

Foi também senador de 1927 a 1928 e deputado federal de 1906 a 1926.

Referências

  1. «IAPHACC». www.culturanatal.com.br. Consultado em 26 de junho de 2009. Arquivado do original em 19 de junho de 2009 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar


Precedido por
José Augusto Bezerra de Medeiros
Governador do Rio Grande do Norte
1928 — 1930
Sucedido por
Luís Tavares Guerreiro


  Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.