Abrir menu principal
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde junho de 2019). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde setembro de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis e independentes (desde setembro de 2016). Fontes primárias, ou com conflitos de interesse, não são adequadas para verbetes enciclopédicos. Ajude a incluir referências.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Koninklijke Luchtvaart Maatschappij (KLM)
IATA KL
ICAO KLM
Indicativo de chamada KLM
Fundada em 7 de outubro de 1919(99 anos)
Principais centros
de operações
Aeroporto Internacional de Amsterdão Schiphol
Outros centros
de operações
Aeroporto de Roterdã
Programa de milhagem Flying Blue
Serviço VIP KLM Crown Lounge
Aliança comercial SkyTeam
Frota 160
Destinos 99
Companhia
administradora
Air France-KLM
Sede Amstelveen, Holanda do Norte, Países Baixos

Londres, Inglaterra, Reino Unido

Pessoas importantes Presidente e CEO: L. M. van Wijk
Sítio oficial www.klm.com
A sede da KLM

Koninklijke Luchtvaart Maatschappij (KLM), em português Companhia Real de Aviação, é uma empresa aérea dos Países Baixos com sede na cidade de Amstelveen. É membro da SkyTeam Alliance e a mais antiga companhia aérea comercial ainda em atividade nos dias de hoje.[1]

Índice

HistóriaEditar

A companhia de aviação KLM foi fundada a 7 de Outubro de 1919, por Albert Plesman, tendo mantido sempre a mesma designação até à atualidade, o que faz com que seja a empresa mais antiga do ramo.[2] A companhia tem o epíteto de Koninklijke ("real") concedido pela rainha Guilhermina dos Países Baixos no ano da fundação.

Em 1920 foi realizado o primeiro voo de carreira da KLM, ao ser feita, a 17 de Maio desse ano, a ligação entre Amesterdã, nos Países Baixos, e Londres, na Inglaterra, com um avião De Havilland DH-16. No primeiro ano de operações a companhia holandesa transportou 345 passageiros e 25 toneladas de carga.

O primeiro voo intercontinental da companhia teve por destino as Índias Orientais Holandesa , que a aconteceu a 1 de Outubro de 1924. Cinco anos mais tarde, a KLM passou a ter voos regulares para o Extremo Oriente, naquela que era a mais extensa rota regular do mundo. Contudo, foi interrompida devido ao início da Segunda Guerra Mundial, em 1939.

Mas antes, em 1934, a KLM tinha feito o seu primeiro voo transatlântico entre Amesterdã e Curaçao, nas Antilhas Holandesas, no Caribe.

Depois do conflito mundial, o aeroporto de Schiphol, em Amesterdã, onde estava sediada a KLM teve de ser totalmente reconstruído após o final da guerra, em 1945. O responsável pela reconstrução das instalações foi o fundador da KLM, Albert Plesman.

As ligações ao Extremo Oriente recomeçaram no Outono de 1945 e em Maio de 1946 a KLM foi a primeira companhia aérea europeia a retomar as rotas para os Estados Unidos.

Em Outubro de 1961 a KLM entrou na era dos aviões a jato, passando a contar com aparelhos Douglas DC-8. A companhia entretanto foi crescendo com a aquisição de companhias regionais neerlandesas.

Em 1991 passou a oferecer aos seus clientes o programa passageiro-frequente, o primeiro do género na Europa. Dois anos depois e pela primeira vez no seu historial a KLM transportou mais de um milhão de passageiros num único ano.

Em Dezembro de 1999 foi a primeira companhia do mundo a receber uma certificação de qualidade ISO 14001 pelo seu sistema de protecção ambiental. No final do século XX, tinha uma frota de quase cento e vinte aviões e com os seus parceiros comerciais fazia ligações a mais de quinhentas cidades.

Em 2014, a KLM retirou de serviço o último MD-11 em atividade de passageiros.

Presença no Brasil e em PortugalEditar

Para o Brasil, a KLM opera um voo diário a partir de Amsterdã (forma usada no Brasil), ou Amesterdão (forma usada em Portugal), para São Paulo e também um voo diário para o Rio de Janeiro. Outras cidades brasileiras são servidas através de acordos (acordo code-share) com a Gol Transportes Aéreos. A partir de maio/18 a empresa abrirá seu terceiro destino no Brasil: Fortaleza, no Ceará. Serão oferecidos 3 voos semanais entre Amsterdã e a capital cearense. Para Portugal, a KLM opera dois voos diários a partir de Amesterdão para Lisboa no inverno e três voos diários no verão; e para o Porto com três frequências semanais. Entre o Brasil e os Países Baixos a KLM opera com o Boeing 777-300ER três vezes por semana e quatro vezes com o Boeing 777-200ER.

Companhia mais bem avaliada no site da ANACEditar

A companhia aérea KLM é a mais bem avaliada pelos mais de três mil usuários cadastrados no “Espaço do Passageiro”, no site da ANAC.[carece de fontes?]

Este é um local onde o viajante pode dar notas pelo desempenho da empresa aérea que utilizou dentre vários quesitos de avaliação, como atendimentos a necessidades especiais, na sala de embarque, na venda de passagens, no check in, pela internet e durante reclamações.

Prêmio Avion AwardEditar

A KLM venceu o conceituado “Avion Award”, concedido pela World Airline Entertainment Association (WAEA), pelo design das novas telas individuais de vídeo e da navegação dos programas, jogos e filmes contidos nela. Esses monitores foram instalados em todas as poltronas dos B777 e dos A330 da companhia. Um júri internacional formado por representantes das indústrias de impressos, música, TV e cinema levou em conta a originalidade, a praticidade, o conteúdo e o equilíbrio entre os diversos itens da tela individual oferecida pela KLM.

Referências

  1. «Veja as 10 aéreas mais antigas do mundo que sobreviveram e ainda voam». UOL Economia. Consultado em 9 de junho de 2017 
  2. «Company profile». Consultado em 29 de maio de 2011 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar