Abrir menu principal
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita referências, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2017). Ajude a inserir fontes confiáveis e independentes. Material controverso que esteja sem fontes deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Kevin Harvick
Kevin Harvick at the Daytona 500 (cropped).JPG
Informações pessoais
Nome completo Kevin Michael Harvick
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Nascimento 08 de dezembro de 1975 (43 anos)
Bakersfield, Califórnia
Registros na NASCAR Sprint Cup
Temporadas 2001-Presente
Equipes nº4 (Stewart-Haas Racing)
Corridas 652
Títulos 1 - (2014)
Vitórias 45
Top 10 341
Pole positions 26
Primeira corrida 2001 Dura Lube 400 (Rockingham)
Primeira vitória 2001 Kobalt Tools 500 (Atlanta)
Última vitória 2016 Hollywood Casino 400 (Kansas)
Última corrida 2019 STP 500 (Martinsville)
Registros na NASCAR Xfinity Series
Corridas 346
Títulos 2 - (2001 e 2006)
Vitórias 47
Top 10 256
Pole positions 25
Primeira corrida 1999 Kmart 200 (Rockingham)
Primeira vitória 2000 Carquest Auto Parts 250 (Gateway)
Última vitória 2018 Rinnai 250 (Atlanta)
Última corrida 2018 Sport Clips Haircuts VFW 200 (Darlington)
Registros na NASCAR
Camping Truck Series
Temporadas 1995-1999, 2001-2013, 2015
Corridas 123
Títulos 0
Vitórias 14
Top 10 62
Pole positions 4
Primeira corrida 1995 Spears Manufacturing 200 (Mesa Marin)
Primeira vitória 2002 Chevy Silverado 150 (Phoenix)
Última vitória 2012 Kroger 250 (Martinsville)
Última corrida 2015 Pocono Mountains 150 (Pocono)

Kevin Michael Harvick (nasceu 8 de Dezembro de 1975 em Bakersfield, California) é um piloto de Stock Cars estadunidense. Estreando na NASCAR Cup Series em 2001, competiu desde seu estreio até 2013 com a equipe Richard Childress, e desde 2014 até a atualidade pertence ao equipe Stewart-Haas Racing, onde pilota o Ford numero 4.

Carro de Kevin Harvick na NASCAR em 2014.

Foi campeão da NASCAR Cup Series em 2014, vice-campeão en 2015, terceiro en 2010, 2011, 2013, 2017 e 2018, quarto em 2006 e 2008, e quinto em 2003. Até novembro de 2018, obteve 45 vitorias e 188 top 5. Entre elas encontram-se as 500 Milhas de Daytona do ano 2007, as 600 Milhas de Charlotte de 2011, as 500 Milhas de Darlington de 2014 e as 400 Milhas de Brickyard de 2003. Também ganhou nove vezes em Phoenix International Raceway.

Alem disso, Harvick recebeu o apodo The Closer, por ganhar muitas corridas nas ultimas voltas, especialmente durante sua fase em Richard Childress. Em 12 da suas 45 vitorias, Harvick liderou menos do 10% das voltas.

Foi duas vezes campeão da NASCAR Xfinity Series em 2001 e 2006. Também possuiu a sua própria equipe na NASCAR Nationwide Series e NASCAR Camping World Truck Series chamada Kevin Harvick Incorporated entre os anos de 2002 e 2011.

Seu inícioEditar

Aos 19 anos, Harvick disputou uma corrida da NASCAR Truck Series em 1995. No ano siguiente, participou em quatro corridas, sem chegar entre os dez primeiros em nenhuma. Em 1997 obteve dois top 10 em 13 participacoes.

Em 1998 Harvick compaginou seus atividades na NASCAR Truck Series com a temporada na NASCAR West Series, correndo ambos campeonatos pela equipe Spears. Foi campeão deste ultimo campeonato com cinco vitórias e 11 top 5, enquanto na Truck Series concluiu 17º com três top 5. No ano siguiente, correu para Jim Mattei na NASCAR Truck Series, ficando 12º no campeonato com 6 top 5. Também, disputou uma corridas na NASCAR Busch Series e duas na ARCA Series, pela equipe Richard Childress Racing.

Em 2000 tornou-se em piloto regular da NASCAR Busch Series pela equipe Richard Childress Racing. A pesar de que falhou para se classificar na segunda corrida, finalizou terceiro no campeonato con três victorias e 8 top 5. Alem disso, obteve o premio Estreante do Ano da NASCAR Busch.

NASCAR Cup SeriesEditar

Harvick tinha planos de disputar sete corridas da NASCAR Cup Series em 2001 para a equipe Richard Childress, com o objetivo de tornar-se piloto titular em 2002. Mas, a morte de Dale Earnhardt durante as 500 Milhas de Daytona de 2001 provocou que Harvick tomara seu automovel para la segunda corrida.

Harvick precisou de três corridas para obter sua primeira vitoria na categoria, vencendo na primera corrida de Atlanta, após de vencer Jeff Gordon por seis milesimos de segundo. Após da sua vitoria, Harvick correu a pista em sentido invetido, mostrando três dedos fora da janela do piloto, lembrando Dale Earnardt. Também ganhou em Chicagoland, además de obter 16 top 10, concluindo nono no campeonato e foi premiado como Estreante do Ano da categoria.

Em 2002 venceu novamente en Chicagoland mas conseguiu somente oito top 10 na NASCAR Cup Series. Também foi suspendido por uma corrida de Cup Series apos de bater intencionalmete Coy Gibbs numa corrida da NASCAR Truck Series. Concluindo 21º no campeonato da maxima categoria, descendo onze lugares comparado o ano anterior. En 2003 ficou quinto no campeonato, vencendo as 400 Milhas de Brickyard e obtendo 11 chegadas entre os cinco primeiros.

Harvick somente obteve cinco top 5 em 2004, e uma vitoria e três top 5 em 2005, más nao pudo ingresar aos playoffs e concluindo 14º no campeonato em ambas temporadas.

Na temporada 2006, Harvick venceu em cinco corridas: Phoenix 1, Watkins Glen, Richmond 2, New Hampshire 2 e Phoenix 2. Mas, maus resultados em algumas corridas dos playoffs, fizeram concluir quarto no campeonato de pilotos. O californiano comencou a temporada 2007 ganhando as 500 Milhas de Daytona, superando a Mark Martin por 20 milesimos de segundos. No resto de temporada conseguiu mais três top 5, finalizando decimo no campeonato.

Apesar de nao ganhar nenhuma corrida em 2008, o piloto logró sete top 5 e 19 top 10, concluindo quarto. No ano siguiente, obtuvo somente cinco top 10 e nueve top 10. Nao classificou aos playoffs e finalizou numa 19ª posicao final.

Depois de três anos sin ganhar, rompeu sua seca nas 500 Milhas de Alabama de 2010. Nesse ano, também conseguiu vitorias nas 400 Milhas de Daytona e as 500 Milhas de Michigan. Com um total de 16 top 5 e 26 top 10, concluiu terceiro no campeonato atras de Jimmie Johnson e Denny Hamlin.

Em 2011 Harvick conseguiu três vitórias nas primeiras doze corridas: em Fontana (vencendo na ultima volta Johnson), Martinsville e as 600 Milhas de Charlotte (superando Dale Earnhardt Jr. nas ultimas voltas). Depois ganhou em Richmond e concluiu quarto no campeonato com um total de 9 top 5 e 19 top 10.

No ano siguiente, Harvick obteve somente uma victoria, a penultima corrida da temporada em Phoenix, concluindo oitavo no campeonato com 5 top 5 e 14 top 10. Em 2013, o piloto venceu em Richmond, as 600 Milhas de Charlotte, Kansas 2 e Phoenix 2. Alem disso fez nove top 5 e 21 top 10, terminando terceiro no campeonato, por atrás de Johnson e Matt Kenseth.

Após de treze temporadas com a equipe de Richard Childress, Harvick mudou-se para Stewart-Haas Racing na temporada 2014. Obteve quatro vitorias em Phoenix 1, Darlington, Charlotte e Phoenix 2, alcancando a ronda final. Ganhou a corrida final em Homestead, vencendo outro concorrente Ryan Newman, de modo que sagrou-se campeão da NASCAR Cup Series.

Harvick conquistou a temporada regular de 2015, assumindo a lideranca do campeonato durante 23 corridas consecutivas (desde Las Vegas ate Darlington), vencendo em Las Vegas e Phoenix. Nas primeiras nove corridas do playoffs obteve a vitória em Dover e outros 3 top 5, o que lhe permitiram clasificar-se a la carrera final pelo titulo em Homestead. Ficou segundo nessa corrida, mas umo dos concorrentes pelo título, Kyle Busch ganhou a corrida e o campeonato, enquanto Harvick teve se contentar com o vice-campeonato.

Em 2016, Harvick venceu em Phoenix e Bristol 2, classificando aos playoffs. Porém, foi eliminado na terceira ronda, e terminou oitavo com um total de quatro vitorias e 17 top 5.

No ano siguiente, a equipe muduo de marca, correndo para Ford. Harvick conseguiu dos victorias, em Sonoma e Texas 2 e chegou á ronda final dos playoffs de la Copa NASCAR, onde ficou cuarto na corrida e terceiro no campeonato con un total de 14 top 5.

O 2018 foi seu meior ano estatisticamente, conseguindo 8 vitórias (Atlanta, Las Vegas 1, Phoenix 1, Dover 1, Kansas 1, New Hampshire , Michingan 2 e Texas 2), 23 top 5 e 29 top 10. Harvick chegou com opções de titulo em Homestad mas nao teve uma buena corrida final, concluindo terceiro atrás dos dois finalistas, Joey Logano e Martin Truex Jr.

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Kevin Harvick
  Este artigo sobre um(a) automobilista, integrado ao Projeto Automobilismo, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.