Abrir menu principal

Os líderes das guerras iugoslavas listados abaixo compreendem as figuras políticas e militares importantes durante as guerras iugoslavas.

Índice

Bósnia e Herzegovina Bósnia e HerzegovinaEditar

  • Rasim Delić era o chefe do Estado-Maior do Exército da República da Bósnia e Herzegovina (ARBiH) entre 1993-1995.
  • Jovan Divjak foi o comandante das forças das ARBiH em Sarajevo no início da guerra (1992-1993) e mais tarde serviu como vice-comandante do Quartel-General na ARBiH.
  • Blaž Kraljević era o comandante das Forças de Defesa da Croácia (HOS). O presidente bósnio Alija Izetbegovic nomeou-o para ser um membro dos serviços centrais do Exército da Bósnia.

Flag of the Republic of Western Bosnia (1995).svg Bósnia OcidentalEditar

Croácia CroáciaEditar

  • Anton Tus foi um general do Exército croata e primeiro Chefe de Estado Maior das forças armadas da Croácia entre 1991-1992.
  • Janko Bobetko foi um general do Exército croata e Chefe do Estado Maior de 1992 até sua aposentadoria em 1995.
  • Zvonimir Červenko foi um general do Exército croata e chefe do Estado Maior Geral entre 1995 e 1996.

Flag of the Croatian Republic of Herzeg-Bosnia.svg Herzeg-BósniaEditar

  • Dario Kordić foi o líder político dos croatas bósnios na Bósnia central e um comandante militar da HVO.

Flag of NATO.svg OTANEditar

  • Jeremy M. Boorda foi o Comandante em Chefe das United States Naval Forces Europe e Europa Forças Aliadas do Sul da Europa entre 1991 a 1994.

Flag of the United Nations.svg Nações UnidasEditar

  • David Pennefather foi o Comandante da Força de Reacção Rápida das Nações Unidas durante a Guerra da Bósnia.

Republika Srpska Republika SrpskaEditar

  • Biljana Plavšić foi o vice-presidente da Republika Srpska de 1992 a 1996. Após a guerra, ela sucedeu Radovan Karadzic como presidente da RS em 1996.
  • Stanislav Galić era o comandante das forças sérvias dentro e ao redor de Sarajevo entre 1992-1994.
  • Dragomir Milošević era o comandante das forças sérvias dentro e ao redor de Sarajevo entre 1994-1995.
  • Dragan Obrenović era um oficial sênior e comandante do Exército Popular Iugoslavo (EPI) e mais tarde do Exército sérvio bósnio (VRS).
  • Milan Lukić era um comandante do grupo paramilitar "Beli Orlovi" e foi uma figura proeminente na tomada de 1992 e posterior limpeza étnica no leste da Bósnia.

Flag of Serbian Krajina (1991).svg República Sérvia da KrajinaEditar

  • Milan Babić foi o primeiro presidente e último primeiro-ministro da RSK.[4]

Iugoslávia República Federal da IugosláviaEditar

  • Borisav Jović era um aliado próximo e conselheiro de Slobodan Milošević e atuou como membro da presidência coletiva sérvia da Iugoslávia durante o final de 1980 e início de 1990.
  • Života Panić foi um proeminente general do EPI e foi o último ministro interino da Defesa e chefe do Exército no governo iugoslavo. Comandante das forças do EPI na batalha de Vukovar.

Eslovénia EslovêniaEditar

  • Milan Kučan foi o primeiro Primeiro-Ministro da Eslovênia.

Referências