Língua montenegrina

Montenegrino (црногорски / crnogorski)
Falado em:  Montenegro
 Sérvia
Região: Bálcãs
Total de falantes: 232,600 aproximadamente
Família: Indo-europeia
 Balto-eslávica
  Eslava
   Eslava meridional
    Ocidental
     Servo-croata
      Montenegrino
Escrita: Alfabeto cirílico
Alfabeto latino
Estatuto oficial
Língua oficial de:  Montenegro
Regulado por: Conselho de Padronização da Língua Montenegrina
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: cnr
ISO 639-3: cnr

O montenegrino (црногорски, transl. crnogorski) é o nome dado à variante Ijekaviano-Shtokaviano do língua pluricêntrica servo-croata ou croato-sérvio, falado no Montenegro.[1] É reconhecida como dialeto das línguas eslavas do sul. 22% dos montenegrinos referem-se ao seu dialecto específico como língua a parte. Desde 2004, a administração montenegrina tem promovido lentamente a ideia de uma língua montenegrina entre a população, movimento esse com origens que remontam a 1993. Dada a independência montenegrina em 2006, existe uma contínua disputa acerca desta matéria, culminando com a sua proclamação como a língua oficial do Montenegro na nova constituição de 22 de outubro de 2007. A constituição foi apoiada por maioria no parlamento do Montenegro.

Referências

  1. Kordić, Snježana (2014). Lengua y Nacionalismo Língua e Nacionalismo (em espanhol). Traduzido por Juan Cristóbal Díaz. Madrid: Euphonía Ediciones. pp. 109–122. 416 páginas. ISBN 978-84-936668-8-0. OL 16814702W. Resumo divulgativoConteúdo 

Leitura adicionalEdit

Ver tambémEdit

  Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.