Lúcio Hédio Rufo Loliano Ávito

Lúcio Hédio Rufo Loliano Ávito (em latim: Lucius Hedius Rufus Lollianus Avitus) foi um senador romano nomeado cônsul sufecto para o nundínio de setembro a dezembro de 114 com Lúcio Méssio Rústico[1][2]. Muitas das inscrições que se referem a Ávito utilizaram a forma mais curta de seu nome, Lúcio Loliano Ávito[3].

Lúcio Hédio Rufo Loliano Ávito
Cônsul do Império Romano
Consulado 114 d.C.

Origem e carreiraEditar

Sua família era originária da Ligúria[4]. O único cargo conhecido ocupado por Ávito além do consulado foi o de procônsul da Ásia entre 128 e 129, um posto que era considerado o ápice de uma carreira senatorial[5].

Sabe-se que Ávito teve pelo menos um filho, Lúcio Hédio Rufo Loliano Ávito[6], cônsul em 144.

Ver tambémEditar

Cônsul do Império Romano
 
Precedido por:
'Lúcio Publílio Celso II

com Caio Clódio Crispino
com Sérvio Cornélio Dolabela Metiliano Pompeu Marcelo (suf.)
com Lúcio Estertínio Nórico (suf.)
com Lúcio Fádio Rufino (suf.)
com Cneu Cornélio Úrbico (suf.)
com Tito Semprônio Rufo (suf.)

Quinto Nínio Hasta
114

com Públio Manílio Vopisco Viciniliano
com Caio Clódio Numo (suf.)
com Lúcio Cesênio Sospes (suf.)
com Lúcio Hédio Rufo Loliano Ávito (suf.)
com Lúcio Méssio Rústico (suf.)

Sucedido por:
'Lúcio Vipstano Messala

com Marco Pedão Vergiliano
com Tito Estacílio Máximo Severo Adriano (suf.)
com Lúcio Júlio Frúgio (suf.)
com Públio Juvêncio Celso Tito Aufídio Ênio Severiano (suf.)
com Marco Pompeu Macrino Neo Teófanes (suf.)
com Tito Víbio Varo (suf.)


Referências

  1. Werner Eck, G. Paci & E. P. Serenelli, "Per una nuova edizione dei Fasti Potentini," Picus, 23 (2003), pp. 51-108)
  2. Alison E. Cooley, The Cambridge Manual of Latin Epigraphy (Camrbidge: University Press, 2012), pp. 467ss
  3. Olli Salomies, Adoptive and polyonymous nomenclature in the Roman Empire, (Helsinski: Societas Scientiarum Fenica, 1992), p. 52 n. 76
  4. Géza Alföldy, Konsulat und Senatorenstand unter der Antoninen (Bonn: Rudolf Habelt Verlag, 1977), p. 304
  5. Eck, "Jahres- und Provinzialfasten der senatorischen Statthalter von 69/70 bis 138/139", Chiron, 13 (1983), pp. 165f
  6. Alföldy, Konsulat und Senatorenstand, p. 323