Abrir menu principal
Lúcio Herênio Saturnino
Cônsul do Império Romano
Consulado 100 d.C.

Lúcio Herênio Saturnino (em latim: Lucius Herennius Saturninus) foi um senador romano nomeado cônsul sufecto para o nundínio de maio a junho de 100 com Pompônio Mamiliano[1]. Plutarco dedicou-lhe uma de suas obras, "Epicureos"[2].

CarreiraEditar

Sua carreira política é apenas parcialmente conhecida. Sabe-se que ele foi procônsul da Acaia entre 98 e 99[3] e, depois de seu consulado, foi governador da Mésia Superior entre 102 e 106[4]. Foi durante seu mandato que começou a Campanha dácia de Trajano, mas é incerto se Saturnino participou ou não do conflito. Seu nome é um dos três legados mencionados no "Pridianum de Hunt", um papiro sobrevivente do arquivo de uma unidade auxiliar estacionada na fronteira do Danúbio, o que sugere seu envolvimento de alguma forma[5].

Ver tambémEditar

Referências

  1. Alison E. Cooley, The Cambridge Manual of Latin Epigraphy (Camrbidge: University Press, 2012), p. 466ss
  2. Der Neue Pauly, Stuttgardiae 1999, T. 5, c. 414
  3. Werner Eck, "Jahres- und Provinzialfasten der senatorischen Statthalter von 69/70 bis 138/139", Chiron, 12 (1982), p. 330
  4. Eck, "Jahres- und Provinzialfasten", pp. 338-341
  5. Ronald Syme, "The Lower Danube under Trajan", Journal of Roman Studies, 49 (1959), pp. 26ff