Ledley King

futebolista britânico

Ledley Brenton King (Londres, 12 de outubro de 1980) é um ex-futebolista inglês que atuava como zagueiro.

Ledley King
Ledley King.jpg
Informações pessoais
Data de nasc. 12 de outubro de 1980 (39 anos)
Local de nasc. Londres, Reino Unido
Nacionalidade inglês
Altura 1,88 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Zagueiro
Clubes de juventude
1997–1998 Tottenham Hotspur
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1999–2012 Tottenham Hotspur 0321 000(15)
Seleção nacional
1996–1997
1999
1999–2001
2002–2010
Inglaterra Sub-16
Inglaterra Sub-18
Inglaterra Sub-21
Inglaterra
0005 0000(0)
0003 0000(0)
0012 0000(1)
0021 0000(2)

Defendeu apenas o Tottenham durante toda sua carreira, clube na qual se tornou um dos maiores ídolos. King se aposentou cedo, aos 31 anos, devido às frequentes lesões e ao problema crônico no joelho.

Carreira em clubesEditar

1997-2001Editar

King assinou contrato pelo Tottenham em fase de teste em julho de 1997 e se tornou profissional no ano seguinte. A sua estreia ocorreu em maio de 1999 em Anfield Road, com uma derrota contra o Liverpool por 3-2. Quando da sua emergência na equipe titular, King foi utilizado frequentemente como meia pelo então treinador George Graham, e atuando na função o jogador se fixou na equipe principal, em novembro de 2000, em vitória de 2 a 1 contra o Liverpool. O seu primeiro gol pelo Tottenham, marcado em dezembro de 2000, em um empate fora de casa em 3 a 3, contra o Bradford City; o tento foi feito aos dez segundos de partida, recorde ainda imbatido de gol mais rápido do Campeonato Inglês.

2001-2006Editar

Depois de Graham ser demitido, King foi para a zaga, sob ordens do novo treinador, Glenn Hoddle. Com a saída de Sol Campbell para o rival Arsenal, havia uma chance para King se estabelecer como o zagueiro principal do time. King se firmou no time e foi convocado para a Seleção Inglesa e foi considerado um dos melhores jovens defensores do país.

Uma lesão na anca ocorrida no verão determinou que ele não jogasse até novembro. Na volta, King voltou à forma habitual. Entretanto, foi criticado devido à grande quantidade de gols que o Tottenham estava levando. A temporada terminou com o Tottenham levando nove gols nos dois últimos jogos, contra Middlesbrough e Blackburn Rovers.

Foi por essa razão que, quando Hoddle foi demitido, em setembro de 2003, o treinador seguinte, David Pleat moveu King para a meia cancha novamente. Apesar do Tottenham lutar contra o rebaixamento, um dos poucos que se salvaram foi Ledley. Em fevereiro de 2004, depois de ficar mais de três anos sem marcar, King fez um excelente gol contra o Manchester City, pela FA Cup e ainda marcou um tento contra o Charlton, uma semana depois; na metade da mesma semana, ele ainda marcou pela Inglaterra, na sua primeira partida iniciada como titular pela seleção. Mesmo jogando fora de posição pela maior parte da temporada, ele fez o suficiente para convencer Sven-Göran Eriksson a chamá-lo ao plantel que disputaria a Euro 2004.

No verão de 2004, a comissão técnica e o plantel do Tottenham mudaram drasticamente. Jacques Santini foi escolhido como treinador e volantes como Michael Carrick, Pedro Mendes e Sean Davis foram contratados pelo clube. Com a chegada destes, King poderia retornar a sua posição preferida, de zagueiro. Noureddine Naybet foi contratado para trazer experiência à zaga do Tottenham e formou uma boa parceria com Ledley. Junto com Paul Robinson, a dupla defensiva levou quarenta e um gols, contrastando com os cinquenta e sete e sessenta e dois das duas temporadas anteriorem da Premier Leagu. King jogou os noventa minutos em todas as trinta e oito partidas válidas pela liga do seu time e nove de dez jogos da copa. Ele foi votado como o Jogador do Mês da Premier League em setembro de 2004, sendo o primeiro defensor a vencer depois de três anos. Em janeiro de 2005, depois da venda de Jamie Redknapp ao Southampton, o novo técnico Martin Jol escolheu King como o capitão do time. Na temporada seguinte, os Spurs levaram apenas trinta e oito gols.


Referências

Ligações externasEditar