Leonor da Bretanha

Leonor da Bretanha (em francês: Aliénor, em inglês: Eleanor; 118410 de agosto de 1241), conhecida também como a Donzela da Bretanha, era filha de Godofredo Plantageneta e Constança, Duquesa da Bretanha.

Leonor da Bretanha
Duquesa Titular da Bretanha
Condessa Titular de Richmond
Imagem do século XIII)
Casa Plantageneta
Nascimento 1184
Morte 10 de agosto de 1241 (57 anos)
  Castelo de Bristol ou Castelo de Corfe, Dorset, Inglaterra
Enterro Abadia de Amesbury , Wiltshire, Inglaterra
Pai Godofredo II da Bretanha
Mãe Constança, Duquesa da Bretanha
Religião Catolicismo

Quando Ricardo I de Inglaterra morreu sem descendentes em 1199, era o seu sobrinho Artur I, Duque da Bretanha quem devia herdar a coroa inglesa, por vontade de Ricardo. No entanto, João I de Inglaterra antecipou-se e declarou-se rei. Seguiu-se uma luta entre os partidários de Artur e João que terminou em 1202, com a captura de Artur em Mirabeau. Leonor, enquanto herdeira do irmão, foi também feita prisioneira. Artur foi assassinado em 1203, com apenas 16 anos, mas Leonor foi poupada, apesar de ter vivido sob prisão no castelo de Bristol até ao fim da vida.

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Leonor da Bretanha

Precedida por
Artur
Condessa de Richmond
27 de maio de 1208 - 10 de agosto de 1241
Sucedida por
extinto
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.