Ligia Chiappini Moraes Leite

Ligia Chiappini Moraes Leite (1945)[1] é uma professora e pesquisadora brasileira conhecida por seus trabalhos sobre teoria da literatura, literatura brasileira, literatura comparada e ensino de literatura.[2][3][4] Foi professora da Universidade de São Paulo de 1972 a 1997 e, desde 1997, ocupa a cadeira de Literatura Brasileira na Universidade Livre de Berlim.[5][6] Foi uma das fundadoras da revista Linha D'Água.[7]

Ligia Chiappini Moraes Leite
Nascimento 1945 (77 anos)
Cidadania Brasil
Alma mater
Ocupação teórico literário, professora universitária

Bibliografia selecionadaEditar

Livros

  • Modernismo no Rio Grande do Sul: materiais para seu estudo (1972)
  • Regionalismo e modernismo: o caso gaúcho (1978)
  • Quando a pátria viaja: uma leitura dos romances de Antonio Callado (1983)
  • Invasão da catedral: literatura e ensino em debate (1983)
  • O foco narrativo (1994)
  • No entretanto dos tempos: literatura e história em João Simões Lopes Neto (1998)

Artigos

  • "Gramática e literatura: desencontros e esperanças" (Linha D'Água, 1986)
  • "Do beco ao belo: dez teses sobre o regionalismo na literatura" (Estudos Históricos, 1995)
  • "Pelas ruas da cidade uma mulher precisa andar: Leitura de Clarice Lispector" (Literatura e Sociedade, 1996)
  • "Literatura e História. Notas sobre as relações entre os estudos literários e os estudos historiográficos" (Literatura e Sociedade, 2000)

Referências

  1. «Leite, Ligia Chiappini Moraes, 1945-». VIAF. Consultado em 8 de janeiro de 2022 
  2. «Entrevista da Profa. Ligia Chiappini». Linha D'Água (13): 11–21. 18 de junho de 1998. ISSN 2236-4242. doi:10.11606/issn.2236-4242.v0i13p11-21. Consultado em 8 de janeiro de 2022 
  3. Rodrigues, Deco (24 de outubro de 2012). «A estréia de Contos Gauchescos, o filme, encerrará as comemorações do centenário de publicação do clássico de João Simões Lopes Neto». e-cult - Cultura - Pelotas e Zona Sul do RS. Consultado em 8 de janeiro de 2022 
  4. Goulart, Catia Dias (16 de setembro de 2016). «A CRIAÇÃO DE UMA TRADIÇÃO CRÍTICA NA AMÉRICA LATINA E O IMAGINÁRIO DA LITERATURA TRANSFRONTERIÇA NO SUL DO BRASIL». Caderno de Letras (26): 93–123. ISSN 2358-1409. doi:10.15210/cdl.v0i26.8988. Consultado em 8 de janeiro de 2022 
  5. Tavares, Cássio; Evaristo, Marcela Cristina; Souza, Maria Lúcia Zoega de (6 de dezembro de 1998). «Entrevista com Lígia Chiappini Moraes Leite». Magma (5): 13–42. ISSN 2448-1769. doi:10.11606/issn.2448-1769.mag.1998.87221. Consultado em 8 de janeiro de 2022 
  6. «Ligia Chiappini». Boitempo Editorial. Consultado em 8 de janeiro de 2022 
  7. Leite, Ligia Chiappini Moraes (27 de setembro de 2010). «APLL e Linha D'Água: utopia, diálogo e disciplina». Linha D'Água: 13–22. ISSN 2236-4242. doi:10.11606/issn.2236-4242.v0ispep13-22. Consultado em 29 de janeiro de 2022