Abrir menu principal

Lista de ataques terroristas em eventos esportivos

Este artigo traz uma lista de ataques terroristas que ocorreram em eventos esportivos.

Índice

Olimpíada de Munique de 1972Editar

Olimpíada de Atlanta de 1996Editar

UEFA Champions League de 2002Editar

Rally Dakar 2008Editar

  • Por conta de ameaças do grupo terrorista Al Qaeda, a edição 2008 da competição foi cancelada. No ano seguinte, a organização da prova transferiu o evento para a América do Sul.[2]

Maratona no Sri Lanka em 2008Editar

  • 6 de abril de 2008: Na Maratona de Colombo, no Sri Lanka, houve um atentado suicida de um membro presumivelmente dos Tigres de Liberação do Tamil Eelam, um grupo rebelde independentista. Deste incidente resultaram 13 mortos, um deles o ministro de Estradas e Desenvolvimento, Jeyaraj Fernandopulle, e vários feridos.[3][1]

Ataque contra seleção de críquete do Sri Lanka em 2009Editar

  • 9 de março de 2009: O críquete tem no Sri Lanka, e também Paquistão, praticamente a mesma importância que o futebol no Brasil. Os jogadores são tratados como ídolos nacionais. Enquanto a equipe do Sri Lanka se preparava para enfrentar o Paquistão, na cidade paquistanesa de Lahore, o ônibus do grupo foi atacado por terroristas munidos de foguetes e granadas. Os ataques resultaram em oito mortos e seis feridos.[4][1]

Ataque a Seleção do Togo em 2010Editar

  • Em 2010, a dois dias do início da Copa Africana de Nações, em Angola, o ônibus da seleção do Togo foi atacado por homens armados. O motorista do ônibus morreu. Nove membros da delegação ficaram feridos, sendo dois deles jogadores: o goleiro Kodjovi Obilale, e o zagueiro Serge Akakpo. O grupo separatista Frente para a Libertação do Enclave de Cabinda assumiu a responsabilidade do ataque.[5] A seleção de Togo acabou abandonando a competição.

Maratona de Boston 2013Editar

Referências

Links ExternosEditar