Abrir menu principal

Lista de municípios do Pará por IFDM

artigo de lista da Wikimedia

Esta é uma lista de municípios do Pará ordenados por Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM) conforme dados divulgados pelo Sistema FIRJAN em 2015 com base no ano de 2013.[1]

O Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM) é um estudo anual criado para acompanhar o desenvolvimento humano, econômico e social dos municípios do Estado do Rio de Janeiro e do Brasil (5.565 no total),[2] com base exclusivamente em estatísticas oficiais.[3] Ele leva em conta três indicadores: emprego e renda como um único indicador e educação e saúde como indicadores separados,[4] cada qual com um conjunto respectivo de variáveis. Devido às suas características, a ferramenta tem servido como uma fotografia de políticas públicas e como fonte para "estudos nacionais e internacionais a respeito do desenvolvimento brasileiro".[5] Mesmo porque seu resultado é capaz de retratar o nível de desenvolvimento de cada cidade e, assim, dar uma ideia sobre a qualidade de vida de seus cidadãos.[6]

O IFDM é semelhante ao Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), calculado pela ONU.[7] Uma diferença entre ambos é que os dados do IFDM “podem ser coletados todo ano”, ao passo que os do IDH só são levantados uma vez por década,[8] pois dependem de “dados do censo demográfico, realizado a cada 10 anos.”[9]

 CategoriasEditar

 
Mapa dos municípios do Pará por IFDM em 2013.
Legenda:
  Alto (nenhum município)
  Moderado (18 municípios)
  Regular (111 municípios)
  Baixo (11 municípios)
  Sem dados (3 municípios)

O índice varia de zero (valor mínimo) até 1 (valor máximo), sendo considerado:

  • Alto, resultados superiores a 0,8 pontos;
  • Moderado, resultados entre 0,6 e 0,8 pontos;
  • Regular, resultados entre 0,4 e 0,6 pontos;
  • Baixo, resultados inferiores a 0,4 pontos;

Lista dos municípiosEditar

Posição Município IFDM

Consolidado

(2013)

Desenvolvimento alto
nenhum município
Desenvolvimento moderado
Canaã dos Carajás 0.7351
Parauapebas 0.7220
Altamira 0.7012
Belém 0.6967
Castanhal 0.6894
Marabá 0.6830
Paragominas 0.6818
Santarém 0.6710
Ananindeua 0.6531
10º Tucuruí 0.6323
11º Barcarena 0.6308
12º Redenção 0.6166
13º Marituba 0.6164
14º Vitória do Xingu 0.6152
15º Igarapé-Açu 0.6137
16º Rio Maria 0.6130
17º Terra Alta 0.6117
18º Tailândia 0.6114
Desenvolvimento regular
19º Xinguara 0.5987
20º Abel Figueiredo 0.5980
21º Tucumã 0.5954
22º Ulianópolis 0.5908
23º Benevides 0.5904
24º Novo Progresso 0.5807
25º Santarém Novo 0.5778
26º São Francisco do Pará 0.5742
27º Juruti 0.5735
28º Abaetetuba 0.5734
29º Moju 0.5695
30º Acará 0.5663
31º Bonito 0.5648
32º Irituia 0.5606
33º Santa Izabel do Pará 0.5599
34º Uruará 0.5568
35º Colares 0.5558
36º Nova Ipixuna 0.5544
37º Oriximiná 0.5543
38º Monte Alegre 0.5524
39º Itaituba 0.5506
40º Capanema 0.5483
41º Nova Timboteua 0.5381
42º Brasil Novo 0.5355
43º Cametá 0.5278
44º Rondon do Pará 0.5259
45º Breu Branco 0.5255
46º Almeirim 0.5246
47º Soure 0.5234
48º Salinópolis 0.5233
49º Bragança 0.5228
50º Ourilândia do Norte 0.5145
51º Placas 0.5140
52º São Geraldo do Araguaia 0.5135
53º Tomé-Açu 0.5115
54º Pau-d'Arco 0.5091
55º Brejo Grande do Araguaia 0.5079
56º Sapucaia 0.5062
57º Conceição do Araguaia 0.5052
58º Santa Bárbara do Pará 0.5047
59º Prainha 0.5030
60º Santa Luzia do Pará 0.5027
61º Curionópolis 0.5005
62º Primavera 0.5004
63º Ourém 0.5002
64º Piçarra 0.4998
65º Medicilândia 0.4990
66º Peixe-Boi 0.4961
67º São João da Ponta 0.4923
68º Floresta do Araguaia 0.4915
69º Magalhães Barata 0.4860
70º Terra Santa 0.4818
71º Jacundá 0.4796
72º Breves 0.4789
73º Baião 0.4788
74º Viseu 0.4768
75º Anapu 0.4742
76º Cachoeira do Piria 0.4738
77º Novo Repartimento 0.4729
78º Concórdia do Pará 0.4700
79º Afuá 0.4698
80º Trairão 0.4696
81º Bom Jesus do Tocantins 0.4690
82º São Félix do Xingu 0.4688
83º Belterra 0.4678
84º Alenquer 0.4678
85º Dom Eliseu 0.4662
86º São Miguel do Guamá 0.4656
87º Augusto Corrêa 0.4642
88º São João de Pirabas 0.4628
89º Curuçá 0.4628
90º São Caetano de Odivelas 0.4625
91º Goianésia do Pará 0.4605
92º Aveiro 0.4592
93º Itupiranga 0.4566
94º Santana do Araguaia 0.4547
95º Inhangapi 0.4536
96º Chaves 0.4514
97º Santo Antônio do Tauá 0.4504
98º Oeiras do Pará 0.4503
99º Cachoeira do Arari 0.4472
100º Salvaterra 0.4470
101º Igarapé-Miri 0.4461
102º Rurópolis 0.4440
103º Ponta de Pedras 0.4432
104º Maracanã 0.4428
105º Pacajá 0.4417
106º São Sebastião da Boa Vista 0.4417
107º São João do Araguaia 0.4410
108º Eldorado dos Carajás 0.4380
109º Água Azul do Norte 0.4379
110º Vigia 0.4374
111º Bujaru 0.4343
112º Quatipuru 0.4339
113º Anajás 0.4339
114º Santa Maria das Barreiras 0.4338
115º Óbidos 0.4330
116º Santa Maria do Pará 0.4318
117º Bannach 0.4312
118º Garrafão do Norte 0.4302
119º Mãe do Rio 0.4280
120º Santa Cruz do Arari 0.4254
121º Marapanim 0.4231
122º Faro 0.4224
123º São Domingos do Araguaia 0.4207
124º São Domingos do Capim 0.4196
125º Cumaru do Norte 0.4149
126º Melgaço 0.4132
127º Curuá 0.4117
128º Capitão Poço 0.4111
129º Senador José Porfírio 0.4060
Desenvolvimento baixo
130º Muana 0.3996
131º Tracuateua 0.3969
132º Limoeiro do Ajuru 0.3871
133º Aurora do Pará 0.3845
134º Gurupá 0.3812
135º Ipixuna do Pará 0.3755
136º Nova Esperança do Piriá 0.3753
137º Bagre 0.3633
138º Jacareacanga 0.3614
139º Porto de Moz 0.3589
140º Portel 0.3483
Sem dados
Mocajuba
Palestina do Pará
Curralinho

Referências

  1. «Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM)». Sistema FIRJAN. Consultado em 8 de Agosto de 2017 
  2. Portal de Notícias do Cefet RJ (25 de agosto de 2009). «Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal – IFDM». Consultado em 27 de maio de 2014. Arquivado do original em 25 de maio de 2012 
  3. Caco da Rosa (02 de junho de 2014). «Joaçaba apresenta alto desenvolvimento municipal no índice FIRJAN». Consultado em 3 de junho de 2014 
  4. Jornal Folha do Interior. «Resende é a terceira melhor cidade do Estado, segundo índice FIRJAN». Consultado em 27 de maio de 2014 [ligação inativa]
  5. Sistema FIRJAN. «IFDM - Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (ano base 2011) - E-Pub». Consultado em 2 de junho de 2014 
  6. Sou Mais Niterói. «FIRJAN divulga raios-x dos municípios do estado do Rio de Janeiro». Consultado em 3 de junho de 2014 
  7. Revista Exame (03 de dezembro de 2012). «As 50 cidades mais desenvolvidas do Brasil». Consultado em 27 de maio de 2014 
  8. Folha de S.Paulo (23 de agosto de 2009). «Cálculo usado pela FIRJAN é diferente do IDH». Consultado em 27 de maio de 2014 
  9. A Voz da Serra Online (08 de setembro de 2009). «Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM) auxilia no diagnóstico dos municípios do país». Consultado em 27 de maio de 2014 

 Ver tambémEditar