Abrir menu principal
Londres Machado
Deputado estadual pelo Mato Grosso do Sul
Período Posse pendente
Período 1º de janeiro de 1979
até 31 de janeiro de 2015
Primeiro-cavalheiro de Fátima do Sul
Período 1º de janeiro de 2017 até
a atualidade
Prefeita Ilda Salgado
Período 1º de janeiro de 2005
até 31 de dezembro de 2012
Prefeita Ilda Salgado
Governador interino do Mato Grosso do Sul
Período 28 de outubro de 1980
até 7 de novembro de 1980
Antecessor Marcelo Miranda
Sucessor Pedro Pedrossian
Período 13 de junho de 1979
até 30 de junho de 1979
Antecessor Harry Amorim Costa
Sucessor Marcelo Miranda
Deputado estadual pelo Mato Grosso
Período 1971
até 1979
Dados pessoais
Nascimento 3 de fevereiro de 1942 (77 anos)
Rio Brilhante, Brasil
Cônjuge Ilda Salgado
Partido ARENA, PDS, PFL, PST, PSDB, PL, PR, PSD

Londres Machado (Rio Brilhante, 3 de fevereiro de 1942), político sul-mato-grossense, é deputado estadual, foi por duas vezes governador interino de Mato Grosso do Sul. É o atual recordista brasileiro de legislaturas consecutivas, com mandatos sucessivos iniciados em 1971.

Carreira políticaEditar

Seus primeiros mandatos como deputado estadual foram conquistados nas eleições de 1970 e 1974 ainda pelo antigo estado de Mato Grosso. No seu segundo mandato, ocupou a primeira secretaria da Mesa Diretora da Assembleia.

Com a criação do estado de Mato Grosso do Sul, é eleito deputado estadual para o quadriênio 1979/1983 e assume a presidência da Assembleia Estadual Constituinte, de onde se afasta por duas vezes: em 13 de junho de 1979 e em 28 de outubro de 1980, para ser o governador interino de Mato Grosso do Sul.

No mandato posterior (1983/1987), o deputado ocupa a segunda secretaria da Mesa Diretora da Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul e, no biênio 1985/1986, assume a primeira secretaria da Assembléia.

Reeleito mais uma vez (1987/1991), Londres Machado ocupa inicialmente, no período de 1987/1988, a chefia da Casa Civil do governador Marcelo Miranda Soares. E, no biênio 1989/1990, volta para a Assembleia como presidente da Mesa Diretora, acumulando o cargo de presidente da Assembleia Constituinte.

Reeleito ainda para as legislaturas de 1991/1995, 1995/1999, 1999/2003, 2003/2007, 2007/2011 e 2011/2015, é hoje o deputado estadual brasileiro a mais tempo no cargo, sucessivamente. Foi presidente da Assembleia estadual, ainda, em 1991/1992, 1996/1998, 1998/2000 e 2004/2006.[1]

Ver tambémEditar

Referências

Ligações externasEditar