Abrir menu principal
Lotus 101
Satoru Nakajima demonstrating Lotus 101 2011 Japan.jpg
Visão Geral
Produção 1989
Fabricante Lotus
Modelo
Carroceria Monoposto de corrida
Designer Frank Dernie
Mike Coughlan
Ficha técnica
Motor Judd CV V8 aspirado
Transmissão Lotus 6 velocidades
Dimensões
Peso 500 kg
Cronologia
Lotus 100T
Lotus 102

O 101 é o modelo da Lotus da temporada de 1989 da Fórmula 1. Conduzido por Nelson Piquet e Satoru Nakajima.

Nem Nakajima (27ª) e Piquet (28ª) consegue classificar o carro da tradicional equipe para o GP da Bélgica. Desde que a Lotus estreou na categoria em 1958, é a primeira vez que a equipe fundada por Colin Chapman fica ausente de um grande prêmio por insuficiência técnica.[1]


Resultados[2]Editar

(legenda) (em itálico indica volta mais rápida)

Ano Chassi Motor Pneus Pilotos 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 Pontos Posição
BRA SMR MON MEX USA CAN FRA GBR GER HUN BEL ITA POR ESP JAP AUS
1989 101 Judd CV
V8
G 11   Nelson Piquet Ret Ret Ret 11 Ret 4 8 4 5 6 NQ Ret Ret 8 4 Ret 15
12   Satoru Nakajima 8 NC NQ Ret Ret NQ Ret 8 Ret Ret NQ 10 7 Ret Ret 4

† Completou mais de 90% da distância da corrida.


Referências

  1. «Lotus em crise é desclassificada pela 1ª vez». Folha de S.Paulo. 27 de agosto de 1989 
  2. «Lotus 101» (em inglês). STATS F1 
  Este artigo sobre Fórmula 1 é um esboço relacionado ao projeto sobre Fórmula 1. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.