Lovesick (1983)

filme de 1983 dirigido por Marshall Brickman

Lovesick (bra: O Amor Tem Seu Preço[2][3]) é um filme de comédia romântica de fantasia estadunidense de 1983 dirigido por Marshall Brickman e estrelado por Dudley Moore, Elizabeth McGovern, Wallace Shawn, John Huston, Alec Guinness, Larry Rivers, David Strathairn.[4][5] Foi distribuído pela Warner Bros. É estrelado por Dudley Moore e Elizabeth McGovern e apresenta Alec Guinness como o fantasma de Sigmund Freud.[6]

Lovesick
Capa do DVD
No Brasil O Amor Tem Seu Preço
Estados Unidos
1983 •  cor •  95 min 
Direção Marshall Brickman
Produção Charles Okun
Roteiro Marshall Brickman
Elenco
Gênero comédia romântica
fantasia
Música Philippe Sarde
Cinematografia Gerry Fisher
Edição Nina Feinberg
Distribuição The Ladd Company
Warner Bros.
Lançamento 18 de fevereiro de 1983
Idioma inglês
Orçamento US$10,1 milhões[1]
Receita US$10 143 618

SinopseEditar

O psicanalista Saul Benjamin assume temporariamente uma paciente como um favor a um colega amigo, Otto Jaffe, que está apaixonado por ela. Depois que seu médico morre, Chloe Allen vai ver o Dr. Benjamin e imediatamente ele fica apaixonado por ela também.

A relação médico-paciente é violada pelos impulsos românticos do Dr. Benjamin por Chloe e por seu intenso ciúme de qualquer pessoa que se aproxime dela, incluindo Ted Caruso, um ator da Broadway arrogante com quem ela se envolveu. A esposa do psiquiatra também está tendo um caso com Jac Applezweig, um artista.

O fantasma do Dr. Sigmund Freud, o pai da psicologia moderna, visita o Dr. Benjamin de vez em quando para dispensar advertências e sabedoria. O trabalho de Benjamin começa a sofrer à medida que ele abandona pacientes como a Sra. Mondragon, achando-a entediante, e trata a paranoia de outro, Marvin Zuckerman, projetando um chapéu feito à mão peculiar para ele usar.

Uma comissão de inquérito chama o Dr. Benjamin para considerar a revogação de sua licença. No final, ele admite seus sentimentos para Chloe e conclui que prefere o amor verdadeiro a tratar os doentes.

ElencoEditar

RecepçãoEditar

LançamentoEditar

Lovesick foi lançado nos cinemas em 18 de fevereiro de 1983.[4] O filme foi lançado em DVD em 20 de outubro de 1998, pela Warner Home Video.[7]

Resposta críticaEditar

O crítico de cinema Vincent Canby escreveu em sua crítica: “O Sr. Moore e a Srta. McGovern são amantes tão atraentes que o filme contorna com sucesso todas as questões de ética.” [4] Os editores de livros Laurence Goldstein e Ira Konigsberg escreveram em seu livro The Movies: Texts, Receptions, Exposures: “Alguém olha para trás com nostalgia de uma época em que os psicoterapeutas não eram tolos como […] tolos apaixonados como Dudley Moore […] Os psicoterapeutas certamente foram retratados como figuras cômicas e horríveis em filmes anteriores, mas eram muito mais respeitosos do que nos últimos anos.”[8]

NotasEditar

ReferênciasEditar

Citações

  1. «Lovesick». The Numbers (em inglês). Beverly Hills: Nash Information Services, LLC. Consultado em 23 de setembro de 2021 
  2. «O Amor Tem Seu Preço». AdoroCinema. Brasil. Consultado em 23 de setembro de 2021 
  3. «O Amor Tem Seu Preço (1983)». Cineplayers. Brasil. 30 de novembro de 2018. Consultado em 23 de setembro de 2021 
  4. a b c Canby, Vincent (18 de fevereiro de 1983). «DUDLEY MORRE RETURNS IN 'LOVESICK'». The New York Times (em inglês). Nova Iorque. Consultado em 26 de setembro de 2021 
  5. Rieber & Kelly 2013, p. 68.
  6. Gabbard & Gabbard 1999, p. 107.
  7. Lovesick. Warner Home Video (em inglês). Burbank, Califórnia: Warner Bros. Home Entertainment Group (Warner Bros. Entertainment). 20 de outubro de 1998. ASIN 6305133492. Consultado em 26 de setembro de 2021 
  8. Goldstein & Konigsberg 1996, p. 11.

BibliografiaEditar