Abrir menu principal
Luís X da Baviera
Duque da Baviera
Christoph Amberger - Louis X, Duke of Bavaria - Kunsthistorisches Museum.jpg
Luís X da Baviera (retrato por Christoph Amberger)
Reinado 1516–1545
Dinastia Wittelsbach
Nascimento 18 de agosto de 1495
  Grünwald Baviera
Morte 22 de abril de 1545 (49 anos)
  Landshut, Baviera
Pai Alberto IV da Baviera
Mãe Cunegunda da Áustria

Luís X Baviera (em alemão: Ludwig X. von Bayern), (Grünwald, 18 de setembro de 1495 - Landshut, 22 de abril de 1545), foi Duque da Baviera de 1516–1545, juntamente com o seu irmão mais velho, Guilherme IV da Baviera. Os seus pais foram Alberto IV e Cunegunda da Áustria, filha do imperador romano-germânico Frederico III e da imperatriz Leonor de Portugal.

BiografiaEditar

Para evitar a subdivisão do Ducado da Baviera pelos vários filhos varões, o duque Alberto IV determinara, em 1506, que a sucessão na Baviera passaria a ser assegurada pelo primogénito. Apesar disso, Luís recusou seguir uma careira eclesiástica argumentando que ele nascera antes do édito tornar-se válido. Com o apoio da sua mãe e dos Estados-Gerais, Luís forçou o seu irmão a aceitá-lo como co-regente em 1516. Luis governou então os distritos de Landshut e Straubing, e a sua ação foi, em termos genéricos, concordante com a de seu irmão.

Tal como o irmão, Luís mostrou de início alguma simpatia para com a Reforma Protestante, mas em 1522 tomou posição contra a sua expansão na Baviera. Ambos os duques reprimiram também a revolta dos camponeses do sul da Alemanha e que, em 1525, atingira a Baviera. Uma vez que Luís reclamava a coroa do Reino da Boêmia, a Baviera estava em oposição aos Habsburgos até que, em 1534 os dois duques atingiram um acordo com o imperador Fernando I, em Linz.

Após a sua viagem à Itália, Luís construiu o primeiro palácio renascentista edificado a norte dos Alpes, a Residência de Landshut, cuja construção durou de 1537 a 1543 e que teve como modelo o Palazzo del Te[1], em Mântua.

Luís não teve descendência legítima, sendo o irmão o seu sucessor. Finalmente, a divisão do ducado da Baviera não se voltou a repetir.

A sua filha ilegítima foi Ana von Leonsberg (1525–1556) que casou com Johann Albrecht Widmannstetter (1506–1557).

AscendênciaEditar

Antepassados de Luís X em três gerações
Luís X, Duque da Baviera Pai:
Alberto IV da Baviera
Avô Paterno:
Alberto III da Baviera
Bisavô Paterno:
Ernesto da Baviera
Bisavó Paterna:
Isabel Visconti
Avó Paterno:
Ana de Brunswick-Grubenhagen-Einbeck
Bisavô Paterno:
Alberto I de Brunswick-Lüneburg
Bisavó Paterna:
Adelaide de Monferrato
Mãe:
Cunegunda da Áustria
Avô Materno:
Frederico III do Sacro Império Romano-Germânico
Bisavô Materno:
Ernesto, Duque da Áustria
Bisavó Materna
Cymburgis da Masóvia
Bisavó Materna:
Leonor de Portugal, Imperatriz Romano-Germânica
Bisavô Materno:
Duarte I de Portugal
Bisavó Materna:
Leonor de Aragão

Referências

  1. em português: Palácio do chá

BibliografiaEditar

Ligações externasEditar