Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde fevereiro de 2010). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Fevereiro de 2008).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

Maurício Magalhães de Carvalho ou Mú Carvalho (Rio de Janeiro, 8 de junho de 1957) é um compositor, instrumentista, pianista, tecladista, arranjador e produtor musical do Brasil.

Fundou o grupo A Cor do Som, junto com seu irmão, o baixista Dadi Carvalho; Mu também se dedica a produção musical de filmes e telenovelas no Brasil.

Compositor, pianista, arranjador e produtor. Fundador e membro de A Cor do Som, Mu Carvalho teve seu talento confirmado pelos hits "Sapato Velho" (com Cláudio Nucci e Paulinho Tapajós), “Semente do Amor” (com Moraes Moreira), uma das músicas mais executadas no ano de 1980, "Terra do Nunca" e "Chocolate com Pimenta" com "Aldir Blanc", e por composições para as bandas sonoras dos filmes A Dama do Lotação, Os Sete Gatinhos, Navalha na Carne (todos por Neville de Almeida), "O Noviço Rebelde", "Xuxa e os Duendes 2", "Xuxa Popstar" (todos por Tizuka Yamazaki) e "Sexo, Amor e Traição", de Jorge Fernando e muitos outros.

Seu primeiro álbum solo foi o LP Meu Continente Encontrado (1985), que teve a participação especial de Luiz Eça, Egberto Gismonti, Ze Luiz e produzido por Egberto Gismonti. Como sideman em performances ao vivo e gravações, Mu já trabalhou com artistas como Chico Buarque, Jorge Ben Jor, MPB-4, Alceu Valença, Moraes Moreira, Fernanda Abreu, Legião Urbana, Luiz Caldas, Paulinho Moska, Gabriel O Pensador, Marina Lima e Gilberto Gil. Também como produtor, Mu recebeu o CD 15 diamantes por seu trabalho para a coleção "Passagens Bíblicas", que vendeu mais de 15 milhões de cópias.

Mu estreou na carreira artística aos 16 anos no grupo Semente (com Cláudio Nucci, Cláudio Infante e Zé Luiz). Em 1974, ele se tornou um membro de A Banda do Zé Pretinho, de "Jorge Ben Jor". No ano seguinte, o grupo que seria conhecido como A Cor do Som (Mu, seu irmão Dadi, Gustavo, Ary Dias e Armandinho) foi de Moraes Moreira e de apoio da banda gravado seu primeiro álbum. Em 1976, Mu escreveu "Sapato Velho" (com Cláudio Nucci / Paulinho Tapajós). A canção se tornou um hit e foi re-gravada por várias vezes, o que confirmou Mu como um compositor. Seu "Espírito Infantil" foi classificado com o quinto lugar no primeiro Festival Nacional Choro, organizado pela TV Bandeirantes.

Em 1978, Mu tocou com de "Gilberto Gil" no 'Festival de Jazz de Montreux", Suíça e nos seus shows pela França, Argentina e Brasil. Em 1990, ele excursionou pelo Brasil com a "Legião Urbana", também participando no álbum do grupo, gravado ao vivo, "Música para Acampamentos". Mu também produziu o álbum "Erasmo Carlos Convida 2", com convidados especiais artistas como Djavan, Marisa Monte, Chico Buarque, Skank, Los Hermanos, Kid Abelha, Zeca Pagodinho, Lulu Santos, Adriana Calcanhoto, Simone, Os Cariocas e Milton Nascimento, lançado em maio de 2007.

Mu trabalha na TV Globo desde 1994, como compositor e produtor musical, fazendo trilhas sonoras de séries televisivas como "Alma Gêmea", "Chocolate com Pimenta", "Era Uma Vez", "Sete Pecados", "Um Anjo Caiu do Céu", "O Beijo do Vampiro", "Três Irmãs" e "Caras & Bocas".

FilmografiaEditar

TelenovelasEditar

Obras GravadasEditar

 
Este artigo ou seção pode conter informações desatualizadas em seu conteúdo. Se sabe algo sobre o tema abordado, edite a página e inclua informações mais recentes, citando fontes fiáveis e independentes.

DiscografiaEditar

DVDEditar

  • 2005: A Cor do Som Acústico, Performance, Sony
  • 2008: Mú Carvalho Ao Vivo, Café Brasil

Ligações externasEditar