M-62 (plataforma de satélite)

designação de uma plataforma de satélites multimissão desenvolvida pelo OKB-1, tendo sido usada na segunda leva de espaçonaves do Programa Marte e também no Programa Vênera

M-62[1] é a designação de uma plataforma de satélites multimissão desenvolvida pelo OKB-1, tendo sido usada na segunda leva de espaçonaves do Programa Marte e também no Programa Vênera.[2] Esta plataforma desenvolvida entre 1961 e 1962, foi a evolução do protótipo anterior, a M-60.

ObjetivosEditar

Foram desenvolvidas quatro variantes desse modelo com diferentes objetivos:[3]

  • M-62-1 - pousar em Vênus
  • M-62-2 - Estudo de Vênus e da trajetória de voo para atingi-lo
  • M-62-3 - pousar em Marte
  • M-62-4 - Estudo de Marte e da trajetória de voo para atingi-lo

CronologiaEditar

Todos os lançamentos foram efetuados por foguetes Molniya.

Referências

  1. Марс (космическая программа) - Серии КА (em russo)
  2. «Automatic interplanetary station to explore the planets Mars, Venus and the Moon». epizodsspace.narod.ru. Consultado em 4 de janeiro de 2014 
  3. 2МВ - серия советских (em russo)
  4. «Sputnik 19». NASA NSSDC. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  5. «Sputnik 20». NASA NSSDC. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  6. «Sputnik 21». NASA NSSDC. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  7. «Sputnik 22». NASA NSSDC. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  8. «Mars 1». NASA NSSDC. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  9. «Sputnik 24». NASA NSSDC. Consultado em 6 de janeiro de 2014 

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre satélites é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.