Rebecca (cantora)

cantora e dançarina brasileira
(Redirecionado de MC Rebecca)

Rebecca Alves (Rio de Janeiro, 5 de junho de 1998), ou apenas Rebecca, anteriormente conhecida como MC Rebecca, é uma cantora e dançarina brasileira.[2][3] Ela foi a Rainha das Passistas da Escola de Samba Salgueiro, de 2016 até 2019, e decidiu investir mais na sua carreira artística, investindo também no canto, além da dança e das campanhas publicitárias a qual participava, e no início começou cantando funk carioca, porém em entrevistas revelou que adoraria cantar samba, pois cantava este ritmo musical informalmente quando tentava iniciar sua carreira. Atualmente também canta música pop e funk melody.[4] A artista é gerenciada pela empresária Kamilla Fialho, a mesma que gerencia a carreira de Lexa e que gerenciava Anitta até 2014.

Rebecca
Rebecca (cantora)
Rebecca em 2022.
Nome completo Rebecca Alves
Pseudônimo(s) Rebecca[1]
Outros nomes MC Rebecca
Nascimento 5 de junho de 1998 (26 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileira
Ocupação
Prêmios Lista
Carreira musical
Período musical 2018–presente
Gênero(s)
Gravadora(s) Sony Music
Afiliações

Biografia e carreira

editar

Os primeiros passos de Rebecca como artista foram na quadra do Salgueiro, como passista. Foi lá onde passou dez anos dedicada ao Carnaval, até que teve que optar pela nova carreira. A música "Cai de Boca", uma composição de Ludmilla, fez muito sucesso na sua voz, nos bailes funks cariocas. "Eu tive que escolher entre samba e o funk. A Ludmilla me deu a música 'Cai de Boca' e eu comecei a fazer shows. Não dava para fazer os dois. O funk precisa de uma dedicação enorme. São muitas apresentações e compromissos. O samba não deu pra acompanhar", disse ela. Assim que "Cai de Boca" foi gravada, estourou rapidamente no Rio de Janeiro. "Foi em uma semana e foi bem louco". Rebecca se lançou como MC com o single de estreia "Cai de Boca",[5] composta peor Ludmilla e produzida pelo DJ Zebrinha.[6]

"Recebi um presente da Ludmilla. Sou muito agradecida a ela. O proibidão foi pelo DJ Zebrinha e, desde que ela saiu, tudo mudou na minha vida”. Empresariada pelo Rennan da Penha, Rebecca não pretende deixar o posto de Rainha das Passistas que já ocupa há 3 anos. “Pretendo continuar no Salgueiro. Lá é minha segunda casa".

Vida pessoal

editar

Nascida e criada em uma família humilde do subúrbio carioca, no Morro São João, uma favela pertencente ao bairro do Engenho Novo, foi criada por seus tios maternos, visto que seu pai abandonou sua mãe grávida, e ela não o conheceu, e quando era recém nascida sua mãe foi presa por roubo. Ela ficou no conselho tutelar até os seis meses de vida, quando seu avô conseguiu tirá-la de lá, e a guarda definitiva ficou com seus tios. Ela cresceu visitando a mãe na prisão, e em entrevistas revelou que havia se acostumado com isto, e que este fator não representou um trauma em sua vida. Ela passou a conviver com a mãe no final da adolescência, quando a mesma fora libertada.[7]

Em 2017 nasceu, de parto normal, no Rio de Janeiro, sua filha, a quem batizou de Morena. Revelou a mídia que cria a filha sozinha, pois seu ex-namorado não quis assumir a paternidade da criança. Em entrevistas afirmou ter orgulho de ser negra, funkeira e mãe solteira. Discreta quanto a vida pessoal, eventualmente é vista acompanhada de homens anônimos e famosos, mas não assumiu nenhum relacionamento sério.[7] Rebecca é bissexual.[8]

Discografia

editar

Singles

editar

Como artista principal

editar
Ano Título
2018 Cai de Boca
Me Chupa Me Ama
Quico e Sensualizo
Coça de Xereca
Coça de Rebecca
2019 Ao Som do 150
Do meu Jeito
Revezamento
Sento Com Talento
Ela é Tão Boa
Deslizo e Jogo
Vem Mulher
Jogo pra Tu
Cinderelas
Repara
2020 Pentada Sem Sentimento
Enquanto Tiver Funk é Carnaval
Tarada
Empurradinha 2.0
Macetinho (Com FP do Trem Bala)
Medo do Escuro
Tô Presa em Casa (Carentena)
Te Levar Pro Cantin (Carentena)
Só pra Você (Carentena)
Novinha da Quebrada
Johnny
Ela Vai Atrás (Carentena)
Coragem (Com As Baías)
Cupido (Com DJ Zullu)
Big Bum (Com MC WM e DJ Yuri Martins)
Mãe África (Com Mumuzinho e Lucas e Orelha)
A Preta é Braba (Com Karol Conká)
A Coisa Tá Preta (Com Elza Soares)
Hitzão da Porra
Quarto Escuto (Com PK e Mad Dogz)
2021 Tô Preocupada (Com Anitta e DJ Will 22)
2022 Barbie (Com Pocah, Lexa e Danny Bond)
2023 AEIOU (Com Pabllo Vittar e Vivi Wanderley)

Como artista convidada

editar
Lista de suas participações em músicas, álbuns e com artistas
Título Ano Artista(s) Melhores posições Certificações Álbum
BRA POR[9]
“Maconha e Pente” 2013 Heavy Baile Não adicionado a nenhum álbum
"Nossa Que Isso" 2019 WC no Beat part. Karol Conká, Djonga e MC Rogê
"Combatchy" Anitta, Luísa Sonza e Lexa 25

“Deixa Ele Maluco” 2020 Rennan da Penha Segue o Baile (Ao Vivo)
“Cheguei” WC no Beat part. Karol Conká, Mc Zaac & Preto Show Griff

Filmografia

editar

Cinema e Televisão

editar
Ano Título Personagem Notas
2019 De Férias com o Ex Brasil Participante Temporada 5
2022 Me Tira da Mira Rebeca (Refém)
Barba, Cabelo & Bigode Raquel Original Netflix
Vai que Cola Ela mesma 10ª Temp. - Episódio 38

Prêmios e indicações

editar
Ano Prêmio Categoria Indicação Resultado Ref.
2019 MTV Millennial Awards Zika do baile Rebecca Indicado [10]
Danceokê "Ao Som do 150" Indicado
Feat. do Ano "Nossa Que Isso" — WCnoBeat part. Karol Conká, Djonga e MC Rogê Indicado
2020 Feat Nacional "Combatchy" Venceu [11]
Melhor clipe feito em casa "Tô presa em casa" Indicado
Zika do baile Rebecca Indicado

Referências

  1. Tavares, Paloma (9 de outubro de 2021). «Valesca Popozuda lança 'PayPau' em parceria com Rebecca e rasga elogios à colega de profissão: "Ela é gigante"». Contigo!. Consultado em 21 de agosto de 2022 
  2. «Entrevista - MC Rebecca - Vídeos Sobre Funk e a Vida na Favela». KondZilla.com. Consultado em 26 de janeiro de 2020 
  3. Marques, Helena (27 de novembro de 2019). «Entrevista: Mãe adolescente, dançarina e uma das novas apostas do funk, conheça a radiante MC Rebecca!». POPline. Consultado em 26 de janeiro de 2020 
  4. DAQUI, Redação (20 de novembro de 2019). «MC Rebecca deixou carreira no samba para brilhar no funk». Daqui. Consultado em 26 de janeiro de 2020 
  5. ligacaoteen (27 de julho de 2018). «Do samba ao funk: Mc Rebecca lança Cai de Boca». Portal Ligação Teen. Consultado em 26 de janeiro de 2020 
  6. «A proibidona MC Rebecca». entretenimento.uol.com.br. Consultado em 26 de janeiro de 2020 
  7. a b Hora, Jornal Meia (15 de dezembro de 2019). «MC Rebecca fala sobre carreira como funkeira: 'Dever cumprido'». MH - Celebridades e TV. Consultado em 21 de agosto de 2022 
  8. «Mc Rebecca lança clipe e fala sobre bissexualidade: "Eu revezo sempre né"». observatoriog.bol.uol.com.br. Consultado em 21 de agosto de 2022 
  9. «Portuguese Charts». Associação Fonográfica Portuguesa. Consultado em 16 de março de 2020 
  10. «Halsey é a atração internacional confirmada no "MTV Miaw" 2019». Portal iG. 11 de junho de 2019. Consultado em 21 de agosto de 2022 
  11. Manfrenato, Isabella (20 de agosto de 2020). «Exclusivo! MTV MIAW 2020: Anitta, Emicida, Ludmilla e Luísa Sonza lideram indicações! Vem ver a lista completa de nomeados». Hugo Gloss. Consultado em 21 de agosto de 2022