Abrir menu principal

Manuel Luís Coelho da Silva

Manuel Luís Coelho da Silva
Nascimento 26 de março de 1859
Bustelo
Morte 1 de março de 1936 (76 anos)
Coimbra
Cidadania Portugal
Ocupação padre católico
Religião Igreja Católica

Manuel Luís Coelho da Silva (São Miguel de Bustelo,Penafiel, 26 de março de 1859Coimbra, 1 de Março de 1936)[1] sendo filho de Joaquim Coelho da Silva e de Ana Rita da Rocha. Ordenado Presbítero a 24 de setembro de 1884. O Papa Bento XV nomeou-o Bispo de Coimbra a 31 de outubro de 1914. Foi sagrado Bispo a 21 de março de 1915 por D. António Barroso, Bispo do Porto e fez a entrada na Sé de Coimbra a 15 de abril do mesmo ano.

Tornou-se no 58.º Bispo de Coimbra e consequentemente 23.º Conde de Arganil de juro e herdade. Foi Bispo desta Diocese até à sua morte, a 1 de Março de 1936.

A 17 de junho de 1928 ordenou Bispo o futuro Cardeal Cerejeira.

Tendo o futuro Padre Américo visto ser-lhe recusada a admissão ao Seminário Maior de Nossa Senhora da Conceição (Porto), Manuel Luís Coelho da Silva admite-o ao Seminário Maior da Sagrada Família de Coimbra a 3 de outubro de 1925. Em 1932 confia-lhe a missão de gerir a "Sopa dos Pobres".

Precedido por
Manuel Correia de Bastos Pina
Brasão episcopalConde de Arganil
Bispo de Coimbra-Conde de Arganil

1915-1936
Sucedido por
António Antunes

Referências

  1. «SILVA, Manuel Luís Coelho da». hm.centenariorepublica.pt. Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República. Consultado em 26 de Setembro de 2014. Cópia arquivada em 7 de Outubro de 2010