Marco Atílio Régulo Caleno

político
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Marco Atílio Régulo (desambiguação).

Marco Atílio Régulo Caleno (em latim: Marcus Atilius Regulus Calenus) foi um político da gente Atília da República Romana, eleito cônsul em 335 a.C. com Marco Valério Corvo. O cônsul em 294 a.C., Marco Atílio Régulo, era seu filho.

Marco Atílio Régulo Caleno
Cônsul da República Romana
Consulado 335 a.C.

Consulado (335 a.C.)Editar

Marco Atílio foi eleito cônsul em 335 a.C. com o grande herói romano Marco Valério Corvo[1]. Os sidicínios se aliaram aos ausônios de Cales e o Senado estava ansioso para escolher alguém com uma comprovada reputação militar. Em um rompimento com a tradição, os cônsules não tiraram a sorte por suas províncias e o Senado designou a área ao redor de Cales diretamente a Corvo. Ele cercou e conquistou a cidade; depois da conquista, os romanos criaram ali uma colônia de 2 500 homens[2]. Por esta vitória, Corvo conseguiu seu segundo triunfo, e os dois cônsules, a honra de portar o agnome "Caleno" ("Calenus")[3].

Os cônsules, estando fora da cidade durante a guerra, nomearam Lúcio Emílio Mamercino Privernato ditador "comitiorum habendorum causa" (com poderes limitados) para garantir a realização da Assembleia das centúrias e a eleição dos cônsules para o ano seguinte[4].

Ver tambémEditar

Cônsul da República Romana
 
Precedido por:
'Cesão Duílio

com Lúcio Papírio Crasso

Marco Valério Corvo IV
335 a.C.

com Marco Atílio Régulo Caleno

Sucedido por:
'Espúrio Postúmio Albino Caudino

com Tito Vetúrio Calvino


Referências

  1. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 16.
  2. Broughton, pgs. 139-140; Smith, pg. 862
  3. Lívio, Ab Urbe condita IX 40-41
  4. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 16, 12.

BibliografiaEditar

  • T. Robert S., Broughton (1951). The Magistrates of the Roman Republic. Volume I, 509 B.C. - 100 B.C. (em inglês). I, número XV. Nova Iorque: The American Philological Association. 578 páginas 

Ligações externasEditar