Marco Fúlvio Gilão

político

Marco Fúlvio Gilão (em latim: Marcus Fulvius Gillo) foi um senador romano nomeado cônsul sufecto para o nundínio de novembro a dezembro de 76 com Galeão Tecieno Petroniano[1]. Era natural de Forum Novum (Vescovio, Itália) e foi lá que mandou gravar uma inscrição dedicada aos seus penates familiares testemunhando seu consulado[2]. Foi procônsul da Ásia entre 89 e 90.

Marco Fúlvio Gilão
Cônsul do Império Romano
Consulado 76 d.C.

Seu filho adotivo, Quinto Fúlvio Gilão Bício Próculo, foi cônsul sufecto em 99.

Ver tambémEditar

Cônsul do Império Romano
 
Precedido por:
'Vespasiano VI

com Tito IV
com Domiciano III (suf.)
com Lúcio Pasidieno Firmo (suf.)

Vespasiano VII
76

com Tito V
com Domiciano IV (suf.)
com Lúcio Tâmpio Flaviano II (suf.)
com Marco Pompeu Silvano Estabério Flaviano II (suf.)
com Galeão Tecieno Petroniano (suf.)
com Marco Fúlvio Gilão (suf.)

Sucedido por:
'Vespasiano VIII

com Tito VI
com Domiciano V (suf.)
com Lúcio Pompeu Vopisco Caio Arrúncio Catélio Céler (suf.)
com Marco Arrúncio Áquila (suf.)
com Cneu Júlio Agrícola (suf.)


Referências

BibliografiaEditar

  • Münzer, "M. Fulvius Gillo 68)", RE, vol. VII-1, Stuttgart, 1910, cols. 250-251.
  • Der Neue Pauly, vol. IV, Stuttgart, 1999, col. 707.