Abrir menu principal

Marshall (filme)

filme de 2017 dirigido por Reginald Hudlin
Marshall
 Estados Unidos
2017 •  cor •  118[1] min 
Direção Reginald Hudlin
Produção
Roteiro
  • Michael Koskoff
  • Jacob Koskoff
Elenco
Género Drama
Música Marcus Miller
Cinematografia Newton Thomas Sigel
Edição Tom McArdle
Companhia(s) produtora(s)
  • Starlight Media
  • Chestnut Ridge Productions
  • Hudlin Entertainmnet
Distribuição Open Road Films
Lançamento 20 de setembro de 2017
Idioma Não disponível
Orçamento US$12 milhões[2]
Receita US$9,5 milhões[2]
Site oficial

O filme americano Marshall é um drama  jurídico e biográfico, dirigido por Reginald Hudlin e escrito por Michael e Jacó Koskoff. É estrelado por Chadwick Boseman no papel de Thurgood Marshall, o primeiro juiz Afro-americano da Suprema Corte dos Estados Unidos, e se centra num dos primeiros casos da sua carreira profissional. O elenco também conta com Josh Gad, Kate Hudson, Dan Stevens, Sterling K. Brown, James Cromwell, entre outros.

A filmagem começou em meados de dezembro de 2015, em Los Angeles. O filme estreou na Universidade de Howard , em 20 de setembro de 2017 e foi lançado nos Estados Unidos em 13 de outubro de 2017, pela Open Road Films, e recebeu  críticas positivas.[3]

Índice

ElencoEditar

ProduçãoEditar

A filmagem começou em meados de dezembro de 2015,[4][10] em Los Angeles, antes de se mudar para Buffalo, no início de 2016, o que incluiu tomadas em Buffalo City Hall, o Búfalo Central Terminal, Daemen College e Niagara Falls.[11] Reginald Hudlin dirigiu o filme do roteiro[10] de Michael Koskoff e seu filho Jacó Koskoff. A empresa Chinesa Super Hero Films financiou o filme, que foi produzido por Wagner de Paula através da sua Chestnut Ridge Produções, juntamente com Hudlin, Jonathan Sanger.[4]

O filme estreou na Universidade de Howard, em 20 de setembro de 2017[12] e foi lançado nos Estados Unidos em 13 de outubro de 2017.[13]

Exibição e bilheteriaEditar

Nos Estados Unidos e no Canadá, Marshall foi lançado junto com Morte Feliz Dia, O Estrangeiro e o Professor Marston e a Mulher Maravilha, e era esperado um valor bruto de US $3 a 4 milhões de 821 cinemas em seu fim de semana de abertura.[14] Ele acabou ganhando US$ 3 milhões, e terminou em 11º na bilheteria.[15]

Análise da críticaEditar

Agregadores de revisão confirmam uma recepção positiva. O site Rotten tomatoes aponta que 83% dos críticos deram ao longa-metragem uma avaliação positiva, tendo por base em 113 resenhas, com pontuação média de 6.7/10. O consenso crítico diz: "Marshall leva um olhar iluminado e bem atuado sobre a sua vida real no início da sua carreira profissional e também oferece um clássico drama de tribunal de entretenimento garantido."[16] Metacritic, que calcula uma média artitmética ponderada entre as críticas, dá ao filme uma nota 66 de 100 com base em 33 resenhas - indicando "críticas geralmente favoráveis".[17]

Peter Travers,  que escreveu para a revista Rolling Stone, elogiou Boseman do desempenho, dando ao filme 3 de 4 estrelas e dizendo: "Carregado pelo relâmpago dramático de Boseman, Marshall nos dá um vislumbre eletrizante de um grande homem".[18]

ReferênciasEditar

  1. «Marshall». British Board of Film Classification. Consultado em 19 de setembro de 2017 
  2. a b «Marshall(2017)». Box_Office_Mojo
    . Consultado em 8 de dezembro de 2017
     
  3. Giles, Jeff (12 de outubro de 2017). «Happy Death Day Is Familiar but Fun». Rotten Tomatoes
    . Consultado em 13 de outubro de 2017
     
  4. a b c Busch, Anita (16 de dezembro de 2015). «Chadwick Boseman To Star As Thurgood Marshall in Reginald Hudlin's 'Marshall'». Consultado em 29 de dezembro de 2015 
  5. Busch, Anita (15 de janeiro de 2016). «Josh Gad To Star Opposite Chadwick Boseman In 'Marshall'». Deadline.com. Consultado em 31 de maio de 2016 
  6. a b c Hipes, Patrick (9 de junho de 2016). «Open Road Acquires Thurgood Marshall Biopic Starring Chadwick Boseman». Deadline.com 
  7. Pederson, Erik (5 de maio de 2016). «'People V. O.J. Simpson's Sterling K. Brown Back In Court For 'Marshall'». Deadline.com. Consultado em 31 de maio de 2016 
  8. «Keesha Sharp to Play Chadwick Boseman's Wife in Thurgood Marshall Biopic». The Wrap. 17 de maio de 2016. Consultado em 31 de maio de 2016 
  9. http://cybertlc.world/wordpress/chilli-to-co-star-in-upcoming-thurgood-marshall-movie-marshall/%7C
  10. a b Kroll, Justin (16 de dezembro de 2015). «Chadwick Boseman to Play Thurgood Marshall in Thriller From Reginald Hudlin». Variety. Consultado em 29 de dezembro de 2015 
  11. Fischer, Nancy (22 de maio de 2016). «Niagara Falls will be location for "Marshall" film». The Buffalo News 
  12. «Marshall». Howard University. Consultado em 26 de setembro de 2017 
  13. McNary, Dave. «Chadwick Boseman's Thurgood Marshall Biopic Scheduled for October Release». Variety. Consultado em 31 de janeiro de 2017 
  14. «'Happy Death Day' expected to unseat 'Blade Runner 2049' at the box office». Los Angeles Times. 11 de outubro de 2017. Consultado em 11 de outubro de 2017 
  15. D’Alessandro, Anthony. «Blumhouse Has Plenty To Smile About As 'Happy Death Day' Scares Up $26M+ Opening». Deadline.com. Consultado em 15 de outubro de 2017 
  16. «Marshall». Rotten Tomatoes. Consultado em 21 de outubro de 2017 
  17. «Marshall reviews». Metacritic. Consultado em 18 de outubro de 2017 
  18. Peter Travers (13 de outubro de 2017). «'Marshall' Review: Chadwick Boseman Electrifies as Young Civil Rights Icon». Rolling Stone. Consultado em 13 de outubro de 2017 

Ligações externasEditar

  • Sharfstein, Daniel J. (março-abril de 2005) «Saving the Race». Legal Affairs. Consultado em 20 de novembro de 2017. Arquivado do original em 4 de novembro de 2017  Detalhes do caso da vida real que está retratado no filme.