Mary Wortley Montagu

Mary Wortley Montagu (26 de maio de 1689Nottingham, 21 de agosto de 1762) foi uma aristocrata, escritora, poeta e feminista inglêsa.

Mary Wortley Montagu
Nascimento 26 de maio de 1689
Nottingham
Morte 21 de agosto de 1762 (73 anos)
Nottingham
Cidadania Reino da Inglaterra, Reino da Grã-Bretanha
Progenitores Mãe:Mary Feilding
Pai:Evelyn Pierrepont, 1.° Duque de Kingston-upon-Hull
Cônjuge Edward Wortley Montagu
Filho(s) Mary Stuart
Ocupação explorador, poetisa, dramaturga, editor
Título Lady
Causa da morte câncer

Montagu é mais lembrada pelas cartas, particularmente as Cartas da Turquia, as quais foram descritas, por Billie Melman, como "o primeiro exemplo de um trabalho secular escrito por uma mulher sobre o Oriente Muçulmano". Além dos seus escritos, ela também foi conhecida por apresentar e defender a inoculação de varíola na grã-bretanha depois de voltar da Turquia. Seus trabalhos relatam e desafiam atitudes sociais contemporâneas contra as mulheres e que dificultem seu crescimento intelectual e social. Ela observou uma espécie de vacina primitiva contra a varíola e isso contribuiu com as experimentações que levaram a descoberta de que as doenças são causadas por germes.

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Mary Wortley Montagu
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.